Resenha crítica sobre "consciência pelo movimento" (feldenkrais)

4836 palavras 20 páginas
Nome: Mariana Bastos Delgado 1º ano
Resenha crítica de expressão corporal – Professora Ceres Vittori
Artes Cênicas - UEL

CONSCIÊNCIA PELO MOVIMENTO – MOSHE FELDENKRAIS
Tradução de Daisy A. C. Souza

Em meados da década de 1940, o cientista e campeão de judô russo Moshe Feldenkrais, recebeu o diagnóstico de que teria os movimentos das pernas paralisados, em decorrência de inúmeros problemas nos joelhos. A partir daí ele usou sua formação em física e judô para investigar as possíveis conexões entre corpo e mente. Essa pesquisa o levou a uma maneira de criar ligações entre o sistema nervoso e os músculos em benefício de sua própria recuperação. Como resultado, Feldenkrais não só recuperou a sua saúde, como também dedicou sua
…exibir mais conteúdo…
Esta possui quatro componentes: movimento, sensação, sentimento e pensamento (todos presentes em qualquer ação). Ela nunca é estática e estas mudanças de ação para ação tornam-se hábitos. O autor nos diz que em um bebê, as células que ativam os músculos sob coordenação voluntária crescente são em maior parte as do lábio e as da boca. Já em uma criança que aprendeu a andar e a escrever, além dos lábios e da boca, haveriam as células que ativam os polegares. Enfim, além de ocorrer uma variação conforme os anos, varia também de um indivíduo para o outro. Nossa auto-imagem é essencialmente mais limitada e menor do que o nosso potencial. A realização de objetivos tem um aspecto negativo: tendemos a parar quando conseguimos habilidade suficiente para nosso objetivo. É possível evidenciar tal fato, pois ao trabalharmos com os exercícios propostos por Feldenkrais nas aulas práticas, percebe-se que à primeira vista, os movimentos parecem complexos, exigindo grandes esforços dos alunos para realizá-los; à medida que os exercícios se tornam fácil devido sua repetição constante, nosso inconsciente, munido da forma como se realiza os exercícios, nos torna relaxados, diminuindo nosso esforço ao realizá-los.
O desenvolvimento potencial básico cessa no início da adolescência; somente pessoas não comuns continuarão a melhorar sua auto-imagem até se

Relacionados