Resenha do texto da polarização das qualificações ao modelo de competência

1013 palavras 5 páginas
Da Polarização das qualificações ao modelo de competência (Helena Hirata)

1) Os novos paradigmas de produção e a evolução da divisão do trabalho e da qualificação

O desenvolvimento do modelo de produção fordista baseou-se na fabricação em massa de bens padronizados feito por trabalhadores semiqualificados. O objetivo principal era a redução máxima dos custos de produção e, assim, baratear o produto para que haja um maior número de consumidores. Nesse sistema de produção, que foi o que mais se desenvolveu no século XX, utilizava-se uma esteira rolante na qual se conduzia o produto, e cada funcionário realizava apenas uma pequena tarefa.
A partir dos anos oitenta, alternativas ao modelo fordista foram conceptualizadas, como modelo da especialização flexível (EUA, Piore e Sabel), e como novo conceito de produção (Alemanha, Kern e Schumann).
O modelo de especialização flexível teria no plano da organização da produção, a fábrica flexível; no plano da hierarquia das qualificações, o operário prudhoniano; e, no plano da mobilidade dos trabalhadores, o trabalhador temporário. Essa flexibiliddae permitiria a superação do modelo fordista e como consequência o retorno de um trabalho artesanal, qualificado e relação de cooperação entre a gerência e os operários multifuncionais.
O novo conceito de produção representaria uma ruptura com o taylorismo e o fordismo, teria uma menor divisão do trabalho e uma maior integração de funções.
O surgimento de um novo modelo de produção

Relacionados

  • Resenha texto: “Revisão da Teoria dos Sonhos”
    1355 palavras | 6 páginas
  • Resenha do texto A Ascensão da Alemanha Industrial” de Tom Kemp
    816 palavras | 4 páginas
  • Resenha crítica do texto: A sociedade da aprendizagem e o desafio de converter informação em conhecimento.
    922 palavras | 4 páginas
  • RESENHA CRÍTICA DO TEXTO A SOCIOLOGIA DA EDUCAÇÃO DE PIERRE BOURDIEU: LIMITES E CONTRIBUIÇÕES
    954 palavras | 4 páginas
  • Resenha do texto HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO DE SURDOS
    353 palavras | 2 páginas
  • resenha do texto "a invenção das tradições" ,Hobsbawn
    848 palavras | 4 páginas
  • Resenha do texto Constituição do Campo da Comunicação de José Luiz Braga.
    716 palavras | 3 páginas