Resumão de Criminologia

2456 palavras 10 páginas
CRIMINOLOGIA
É uma ciência social, empírica e experimental que junto da sociologia estuda a criminalidade, analisando o CRIMINOSO, DELITO, A VÍTIMA (comportamento no contexto do delito), REAÇÃO DA SOCIEDADE PERANTE O DELITO E A REINSERÇÃO DO DELINQUENTE NA SOCIEDADE.

EVOLUÇÃO HISTÓRICO-FILOSÓFICO DA CRIMINOLOGIA

1ªFase: Antiguidade até surgimento da criminologia com Cesare Lombroso.
Características: DIFUSO, MORALISTA, FILOSÓFICO, EMPÍRICO.
Antiguidade (sec VI ac – V dc):
Código de Hamurabi, Leis Hebraicas, Confúcio Alcemon de Cretona, Esopo, Isócrates, Protágoras, Sócrates (ressocialização do preso), Hipócrates (pai da medicina, crime = doença menta), Platão (crime ocorre por fatores econômicos, meio e pessoas influenciam),
…exibir mais conteúdo…
Expoentes: Manuel Carnevali, Bernardino Alimena e João Zmpalomeni.
Escola de política criminal ou moderna alemã:
Características: O crime é um fenômeno humano e social a pena deve ser preventiva de acordo com o histórico do crime, usam o método indutivo-experimental.
Expoentes: Franz Von Liksz, Prins e Von Hammel. FATORES DA CRIMINALIDADE
Fatores endógenos: -Antropológicos
~~Biológicos: BIOLOGIA CRIMINAL (evolução histórica: Roma, Caso Daniel M’naghten 1843 e a formula ‘’culpado mas louco’’ 1959).
~~Biopsicológicos: ANTROPOLOGIA CRIMINAL/biologia criminal/ neurologia crime como fenômeno biopsicopatológico (Disfunções mentais, anomalias encefalográficas, formação biológicas, danos cerebrais na infância, distúrbios de personalidade – ‘’boder line’’ e vítimas de abusos infantis).
‘’Doença mental’’> Tem 16 categorias na associação de psiquiatria americana e 10 na OMS.
**Sociopatas, loucos ou sãos? São normais pois sabem o que estão fazendo---~~Psicológicos: PSICANÁLISE CRIMINAL

1- Modelo Freudiano: Analisa o consciente x inconsciente (bem maior que o consciente), a libido e as fases da evolução do indivíduo (eros x thanatos – amor x morte) e a dimensão do processo da mente humana.
Extratos da mente = EGO (o ser real) SUPEREGO (controle social) e I.D (meio termo entre os

Relacionados