Resumo - Alta Idade Média Ocidental - Michael Banniard

1757 palavras 7 páginas
Resumo-síntese – A Alta Idade Média Ocidental – Michel BanniardNão é possível observar em toda a história uma ruptura brusca que encerra um ciclo de características e inicia outro totalmente distinto. Portanto, não se pode dizer em fim da Antiguidade ou até mesmo em inicio da Idade Média pautando-se em datas específicas e precisas. O que é possível observar é a existência mutua de características dos dois períodos em um processo transitório comumente denominado Alta Idade Média (V – VIII).
Ao iniciar o livro, Banniard expõe que, apesar do Império Romano do Oriente ainda perdurar, o Império Romano do Ocidente (IRO) vê seu fim próximo já no século V, quando é ocupado pelos chamados povos ‘Bárbaros’. Mas vale ressaltar que as invasões não alteraram, de modo imediato, muitas características do Império Romano, sobretudo para as camadas mais pobres, bem como alguns locais ainda estavam sob comando do Império, como a Itália, a Provença e a Alvérnia. Durante o século V tais povos impuseram seu poder paralelamente ao do Estado, pelo sistema denominado foedus. Posteriormente, estes impuseram também o poder ao Estado, mas ele ainda não desaparece, dissolvendo-se aos poucos.
Muitas conquistas sucederam o IRO acarretando inúmeras migrações dos mais diversos povos entre os séculos V e VI. E apesar das migrações ocorrerem entre variados povos, um problema comum a quase todos eram os conflitos de cunho religioso, já que os ‘bárbaros’ eram majoritariamente arianos e os locais até então

Relacionados

  • Angold, michael. bizâncio: a ponte da antiguidade para a idade média. são paulo: imago, 2002. p. 17 – 57.
    2775 palavras | 12 páginas
  • Educação na alta idade media
    3819 palavras | 16 páginas
  • Bizâncio: a ponte da Antiguidade para a Idade Média de Michael Angold
    6784 palavras | 28 páginas
  • Idade media
    8854 palavras | 36 páginas
  • Relatório: “A espiritualidade na Idade Média ocidental (Séculos VIII a XIII)", de André Vauchez.
    5209 palavras | 21 páginas
  • Resumo-síntese do livro de banniard, michel. a alta idade média ocidental. lisboa: europa-américa. 1985.
    1945 palavras | 8 páginas
  • História da Educação - Alta Idade Média
    2288 palavras | 10 páginas