Resumo Bhaskara Akaria

1178 palavras 5 páginas
Bhaskara Akaria (em canarês: ಭಾಸ್ಕರಾಚಾರ್ಯ; 1114-1185[1], Vijayapura, Índia), também conhecido como Bhaskara II, foi um matemático, professor, astrólogo e astrônomo , o mais importante matemático do século XII e último matemático medieval importante da Índia. Viveu na região de Sahyadri.[2]

Filho de um astrólogo famoso chamado Mahesvara[3], tornou-se conhecido pela complementação da obra do conterrâneo Brahmagupta, por exemplo dando pioneiramente a solução geral da conhecida equação de Pell e a solução de um problema da divisão por zero, ao afirmar também pioneiramente, em sua publicação Vija-Ganita ou Bijaganita, um trabalho em 12 capítulos, que tal quociente seria infinito.

Tornou-se chefe do observatório astronômico a Ujjain, cidade onde ficou até morrer e o principal centro matemático da Índia na sua época, fama desenvolvida por excelentes matemáticos como Varahamihira e Brahmagupta, que ali tinham trabalhado e construído uma forte escola de astronomia matemática.
Sua obra representou a culminação de contribuições hindus anteriores.
A fórmula de Bhaskara, utilizada para determinar as raízes de uma equação quadrática é:
Onde:
Δ = b² – 4ac e x= -b+-√Δ¯ ————– 2a
Bhaskara foi especialista em estudos sobre álgebra, o que levou a aprofundar suas pesquisas sobre as equações e sistemas numéricos. Escreveu três obras fundamentais: “Lilavati”, “Bijaganita” e Siddhantasiromani. A primeira trata de questões

Relacionados

  • Resumo
    1688 palavras | 7 páginas
  • Resumo
    1374 palavras | 6 páginas
  • Resumos
    1904 palavras | 8 páginas
  • RESUMO
    1705 palavras | 7 páginas
  • Resumo
    1039 palavras | 5 páginas
  • Resumo
    374 palavras | 2 páginas
  • RESUMO
    814 palavras | 4 páginas
  • resumo
    1712 palavras | 7 páginas
  • RESUMO ACADEMICO
    3893 palavras | 16 páginas