Resumo O papel da família e da escola na formação do adolescente

1825 palavras 8 páginas
O papel da família e da escola na formação do adolescente Maria Fátima Olivier Sudbrack A adolescência nos coloca em face dos desafios constantes que exigem disponibilidade e competências específicas. As ações educativas e terapêuticas bem-sucedidas no enfrentamento destes desafios estarão garantindo o desenvolvimento dos potenciais que esta fase da vida abriga. Por sua vez, a falta do cuidado adequado com o adolescente pode representar não apenas o desperdício deste potencial, mas sua exposição a situações de risco ao seu desenvolvimento e, por vezes, riscos à sua própria vida.
Precisamos apostar e acreditar nos jovens e em seu papel transformador O ponto de partida para toda e qualquer ação educativa relativa à população
…exibir mais conteúdo…
mento de pertencer a uma comunidade. É no sentimento de pertença que se alicerça a autonomia. A identidade pessoal encontra suas bases primeiras na identidade familiar. A origem familiar, o nome de família, a linhagem dos ancestrais, a história transgeracional são os ingredientes que fundam o sentimento de pertença a uma comunidade e que vão permitir ao indivíduo sentir-se participante do tecido social mais amplo em face do qual ele possui direitos e deveres. A família é a matriz da identidade. É importante oferecer espaços e atividades para os pais de adolescentes, para que possam melhor compreender e enfrentar este momento de tantas demandas e transformações ocorridas no filho adolescente e na família como um todo.
A família no contexto social e das políticas públicas
Enquanto objeto de políticas públicas, a família brasileira, ou melhor, as famílias brasileiras, ainda carecem de um investimento que as contemple nas políticas sociais, em especial quando se trata do trabalho com o adolescente
Família: contexto paradoxal de risco e de proteção
Precisamos evitar ao máximo este afastamento precoce do adolescente do convívio familiar, pois nestas condições estará suscetível a influências negativas que poderão facilmente desviá-lo dos padrões e valores familiares, rumo à cultura marginal. A família é, indiscutivelmente, o contexto primeiro e fundamental da proteção à infância e à adolescência. No entanto, mesmo a presença de situações

Relacionados

  • O papel do enfermeiro na abordagem do cancer de mama na estrategia da saude da familia
    1676 palavras | 7 páginas
  • Resumo do Texto: A desigualdade invisível: o papel da classe social na criação dos filhos em famílias negras e brancas (Annette Lareau).
    877 palavras | 4 páginas
  • A inserção da criança na sociedade e o papel da escola nesse processo
    1302 palavras | 6 páginas
  • O papel da escola e do professor na aprendizagem do aluno
    1375 palavras | 6 páginas
  • O papel da escola e do profissional da educação
    1934 palavras | 8 páginas
  • O papel do nutricionista na educação alimentar saudável das escolas públicas
    2913 palavras | 12 páginas
  • O papel da escola na inclusão social do deficiente mental1
    2504 palavras | 11 páginas
  • O desenvolvimento da criança e o papel da escola
    1813 palavras | 8 páginas