Resumo as verdades da razão

492 palavras 2 páginas
A razão é um procedimento intelectual crítico que todo ser humano é capaz de utilizar para organizar as informações recebidas, estudos feitos ou experiências tidas e busca harmonizar um ponto de vista pessoal a um ponto de vista universal, a partir do qual qualquer outro ser humano possa considerar realidade. O método racional tem o objetivo de estabelecer a verdade, que seria a maior concordância entre o que acreditamos e a realidade da qual fazemos parte. A razão serve para “examinarmos nossos supostos conhecimentos, resgatar deles a parcela que tenham de verdade e, a partir dessa base, buscar novas verdades”. Algumas doutrinas questionam o racionalismo e até mesmo a própria verdade:
O ceticismo acredita que todo conhecimento humano é duvidoso e que, quando examinado a fundo, não exista um que seja confiável. A crítica ao ceticismo afirma que ele é contraditório. Ele defende que o conhecimento racional é impossível e que por isso não conhecemos a verdade, mas ao afirmar isso está acreditando em uma verdade obtida pelo pensamento racional. De todo modo, o ceticismo aponta para a inquietante questão: como nós, seres humanos intelectual e sensorialmente toscos, poderíamos conhecer qualquer coisa que seja da realidade? Immanuel Kant traz uma resposta considerada por Savater a mais sagaz: Ele diz que não temos o conhecimento da realidade tal como ela é, mas a conhecemos a partir dos nossos sentidos e da nossa inteligência que ordena os dados recebidos.
O relativismo coloca em

Relacionados

  • Resumo global de filosofia 10º e 11º
    5864 palavras | 24 páginas
  • Resumo das principais ideias de rené descartes
    676 palavras | 3 páginas
  • Fé x razão
    1276 palavras | 6 páginas
  • Contra o abuso da ética e da moral
    2767 palavras | 12 páginas
  • RESUMO DIREITO, AFETO E SENSIBILIDADE
    1053 palavras | 5 páginas
  • As razões da intolerância - norberto bobbio - resumo
    959 palavras | 4 páginas
  • Sínteses da obra De Magistro de Tomás de Aquino
    1894 palavras | 8 páginas
  • Resumo – Introdução à História da Filosofia – Hegel
    1125 palavras | 5 páginas