Resumo do livro anjos e demônios - dan brown

3601 palavras 15 páginas
Anjos e Demônios – Dan Brown
Anjos e Demônios apresentam-nos a personagem de Robert Langdon, professor de iconologia religiosa e história da arte na
Universidade de Harvard.
À medida que os acontecimentos se desenrolam, ele é acordado por um telefonema de Maximilian Kohler, o diretor do CERN, o maior centro de investigação científica do mundo situado em Gênova, Suíça.
Um dos seus maiores físicos fora assassinado e tinha a palavra "Illuminati" marcada no peito. Como Langdon é um perito na antiga sociedade secreta conhecida como Illuminati, é-lhe pedida ajuda na resolução deste assassinato.
O avião ultramoderno X-33 transporta Lagdon de
Massachusetts até a Suíça em pouco mais de uma hora.•
A vítima assassinada é Leonardo Vetra que, além de ser um dos principais físicos do mundo, é também um padre Católico. Ele é um padre que adotou uma filha, Vittoria, que é também cientista no CERN.
Vetra e a sua filha estavam usando o maior acelerador de partículas do mundo para criar antimatéria para depois a reterem em vasilhas para que esta não interagisse com a matéria.•
Se uma vasilha for retirada do sistema elétrico que mantém a matéria e antimatéria separadas são acionadas baterias de substituição durante 24 horas. Quando as 24 horas expirarem, ambas colidirão provocando uma explosão instantânea com uma força poderosa, sem precedentes. Leonardo
Vetra criou a antimatéria para simular o Big Ben. Do seu ponto de vista, isto provaria que Deus existe, sendo

Relacionados

  • Didaché - doutrina dos doze apóstolos
    7825 palavras | 32 páginas