Resumo do livro nem preto nem branco, muito pelo contrario.

611 palavras 3 páginas
Este livro se aprofunda na tese sobre raça e cor, implantada no Brasil desdá época da colonização, até tempos mais atuais, a autora demostra que a um tipo de preconceito que começou por submissão dos escravos e acabou por status social, como foi situado “negro bom é negro escravo”, no tempo da colonização este povo era tratado com tanta indiferença que para conseguir sobreviver tinha que se submeter a todo tipo de abuso e violência, muitas vezes indo de contra seu próprio povo, pois deveriam ser negros leais e não se revolta contra seus senhores, mantendo a ilusão de que um dia poderiam viver suas vidas tranquilos, dança, cultua seus deuses, ganhar seu dinheiro e ter uma família, quanto mais leias mais seus senhores usufruíam de sua juventude e força, era um jogo onde só havia um único vencendo, e com certeza nunca seria os negros. No período da abolição da escravatura, o termo abolição não significava igualdade social, por que depois dos escravos serem libertos não tiveram nem um tipo de ajuda e foram jogados a própria sorte, sem emprego, moradia ou educação, em condições precárias de sobrevivência, foram parar amontoados em favelas, nas margens de uma sociedade que os usou e depois os jogou fora, como um objeto sem importância. Não sendo o suficiente foram implantadas ideias de branqueamento com a chegada de imigrantes italianos para trabalharem no Brasil e assim embranquecer a população, o país tornou-se um “laboratório racial”, que manipulou seus indivíduos,

Relacionados

  • resumo do livro construtivismo
    2474 palavras | 10 páginas
  • Fotos em preto e branco
    1914 palavras | 8 páginas
  • Memórias de um sargento de milícias: nem romantico nem realista
    4056 palavras | 17 páginas
  • DIGA SIM À VIDA E DROGAS NEM PENSAR
    2340 palavras | 10 páginas
  • Os Funerais do Coelho Branco - Livro do Nene Altro
    8981 palavras | 36 páginas
  • Muito Alem Do Peso Resumo
    1031 palavras | 5 páginas
  • A vida em preto e branco
    953 palavras | 4 páginas
  • Resumo Do Livro A Luta Pelo Direito
    1048 palavras | 5 páginas
  • Resumo do Livro "Muito Além da Hierarquia"
    11885 palavras | 48 páginas