Resumo do livro: singer, paul. o capitalismo. sua evolução, sua lógica e sua dinâmica.

2377 palavras 10 páginas
CAPÍTULO UM. A economia de mercado antes do capitalismo era baseada na produção para o próprio consumo, pouco do que se produzia era usado como mercadorias. As pessoas dependiam apenas parcialmente do mercado. Com isso, os padrões de consumo em termos de quantidade e qualidade eram bem reduzidos, e o dinheiro era apenas utilizado para bens de ostentação como joias, roupas finas.
A produção do mercado era artesanal e, na maioria das vezes, era composta por familiares. E para diminuir a concorrência, eram formadas corporações, que limitavam o número de produção e colocavam um preço justo ao produto.
No século XVI, com a formação do mercado mundial com as Grandes Navegações, o capitalismo surge como manufatureiro, o capital passa a ser
…exibir mais conteúdo…
Esse valor depende da sua utilidade para o consumidor, através disso ela pode ser maior ou menor comparada com outra mercadoria. A origem do valor de uma mercadoria é o seu custo de produção, mais o lucro. O preço da mercadoria é imposto pelo capitalista de tal modo que ele cubra os gastos e obtenha lucro. Os lucros provem do investimento aplicado no negocio e da taxa de lucro aplicada ao produto. O que impede os capitalistas de colocarem a maior taxa de lucro possível é a concorrência. O capitalista quando aumenta o seu lucro e não aumenta o salário pago aos seus operários, aumenta a sua taxa de lucro, mas diminui a capacidade de seus funcionários de consumirem, e isso pode até criar discordância dos operários com o capitalista. Por isso os capitalistas não podem escolher sozinhos a sua taxa de lucro. Essa lógica de capital cria uma luta de classes que passam do plano econômico ao social e politico. Isso, coloca as bases do capitalismo em grande risco.

CAPÍTULO TRÊS. No capitalismo, a instabilidade é recorrente, geralmente, de fatores extras econômicos, guerras, colheitas, decisões politicas e religiosas. Costumavam dizer que essas crises eram cíclicas, uma vez que aconteciam sempre com uma regularidade. As crises aconteciam quando esse ciclo estava em alta ou prosperidade, durante o qual o crescimento aumenta cada vez mais, até chegar o seu limite. Com a crise vinha então os estoques invendáveis, empresas que despediam funcionários e muitas faliam.

Relacionados

  • Referencias do Livro O brincar e suas teorias
    268 palavras | 2 páginas
  • o Pregador sua vida e sua obra
    868 palavras | 4 páginas
  • MECÂNICA DOS FLUIDOS E SUA EVOLUÇÃO CIENTÍFICA
    1284 palavras | 6 páginas
  • Resumo do livro: qual é a sua obra (mario sergio cortella)
    1888 palavras | 8 páginas
  • Resumo do Livro: "O capitalismo, Paul Singer"
    1992 palavras | 8 páginas
  • Resumo livro O capitalismo de Paul Singer
    1004 palavras | 5 páginas
  • Resumo do livro O brincar e suas teorias
    1094 palavras | 5 páginas
  • Sistema operacional e sua evolução
    3642 palavras | 15 páginas
  • O serviço social e sua evolução histórica no brasil
    321 palavras | 2 páginas