Resumo do texto: Fracasso Escolar, Patologia no Nosso Tempo (Os atrasados não existem – Psicanálise de crianças com fracasso Escolar)

523 palavras 3 páginas
Vanessa Moraes Abdala Guarda – Turma 4

Resumo do texto: Fracasso Escolar, Patologia no Nosso Tempo (Os atrasados não existem – Psicanálise de crianças com fracasso Escolar)

A escolha do texto citado acima para realização do resumo se deu pelo fato de me identificar muito com ele, primeiramente, por sua vertente psicanalítica e, também, por tratar a questão do fracasso escolar em nossa sociedade e como se tornou uma patologia do nosso tempo. Num primeiro momento, o texto aborda as patologias criadas em determinadas épocas, os avanços obtidos pela medicina, assim como, suas limitações. Segundo a autora, com os avanços da medicina, além das terminologias dos distúrbios terem se transformado, a sua natureza também mudou. Neste sentido, a evolução da sociedade fez com que os sintomas das neuroses se modificassem e surgiu, então, uma nova patologia, denominada fracasso escolar. Ressalta ainda que o fracasso escolar foi produzido por uma mudança social, o que a faz comparar esta “patologia” com as neuroses. Anny pontua que a origem do fracasso escolar se encontra na rápida transformação do mundo do trabalho em uma sociedade tecnicizada. Também, a autora afirma que o desconhecimento da histeria e do fracasso escolar pela sociedade onera os orçamentos governamentais, sendo que, a falta de conhecimento acerca do fracasso escolar favorece a prática de medidas custosas e com objetivos inapropriados. O fracasso escolar é uma patologia recente, a qual surgiu com a

Relacionados

  • Monografia fracasso escolar
    6921 palavras | 28 páginas
  • A INTERVENÇÃO DO PSICOPEDAGOGO NO PROCESSO DE REFORÇO ESCOLAR
    4482 palavras | 18 páginas
  • A alfabetização de crianças com patologia de dislexia e/ou tdah
    4478 palavras | 18 páginas
  • Intervenção Psicopedagógica: Uma Forma de Prevenção ao Fracasso Escolar.
    4277 palavras | 18 páginas
  • Avaliação escolar: além da meritocracia e do fracasso
    828 palavras | 4 páginas
  • A produção do fracasso escolar: Maria Helena de Souza Patto CAPITULO II. O modo capitalista de pensar a escolaridade: anotações sobre o caso brasileiro.
    1306 palavras | 6 páginas
  • Resumo do texto: “fracasso escolar”
    1587 palavras | 7 páginas
  • O fracasso escolar na alfabetização
    4955 palavras | 20 páginas
  • Possíveis causas do fracasso escolar
    6679 palavras | 27 páginas
  • Á SOMBRA DO FRACASSO ESCOLAR: A PSICOLOGIA E AS PRATICAS PEDAGÓGICAS”.
    439 palavras | 2 páginas