Resumo livro "como as crianças pensam e aprendem"

3575 palavras 15 páginas
“Entender o sentido” - ‘’Como as crianças pensam e aprendem’’ de David Wood

A análise apresentada a seguir é decorrente da leitura do capítulo 5 “Entender o sentido” do livro ‘’Como as crianças pensam e aprendem’’ de David Wood. A partir do capítulo analisado tivemos que fazer um estudo de acordo com nossas interpretações do mesmo. Nosso principal objetivo é obter uma maior compreensão sobre as várias concepções do desenvolvimento da linguagem e da comunicação da criança durante os anos de escola. Nele contém pesquisas realizadas com o objetivo de identificar as exigências comunicativas com que as crianças encontram na escola.

 Comunicação não verbal e comunicação verbal.
Quando as crianças começam a falar, aquilo sobre o que falam
…exibir mais conteúdo…
A organização dos movimentos que criam sons e dos que criam gestos apresenta uma estrutura temporal ordenada e sincrônica que desempenha um papel importante de coordenação do ato de comunicação. A mutua sincronia de movimentos entre o ouvinte e o falante implica que o ouvinte esteja também as partes importantes do que o falante vai falar. A sincronicidade de movimento e fala, portanto, provavelmente desempenha um papel importante na realização da compreensão mutua. O falante e o ouvinte parecem estar sintonizados. Embora ninguém tenha descoberto todos os sinais verbais e/ou visuais que permitem a ocorrência dessa sincronização, parece certa a existência de um sistema. Também parece que os bebês pequeninos reagem de maneira semelhante à organização temporal da fala e do movimento. Essas descobertas implicam que a “sintonia” de falantes e ouvintes esteja radicada em algum sistema rítmico biológico comum. Com isso, não queremos dizer que os movimentos e gestos sejam mecanicamente vinculados. A forma precisa do movimento, sua magnitude e sua duração variam de falante para falante e de cultura para cultura. Nem tão pouco os movimentos do ouvinte costumam imitar os dos falantes. O que parecer ser universal é a sincronização dos movimentos.

 Da comunicação pré verbal à fala.
Os aspectos geralmente inconscientes de comunicação não verbal podem criar desconfiança e mal estar como quando indivíduos provenientes de meios étnicos ou linguísticos diferentes comunicam-se

Relacionados

  • Resumo e resenha do livro o código da inteligencia
    2312 palavras | 10 páginas
  • Perca Tempo
    1845 palavras | 8 páginas
  • Práticas Pedagógicas do professor que atua na Educação Básica
    1582 palavras | 7 páginas
  • Resenha do livro: pai rico pai pobre
    1674 palavras | 7 páginas
  • resumo pai rico, pai pobre
    1772 palavras | 8 páginas
  • Disciplina para crianças
    4339 palavras | 18 páginas
  • O uso de jogos no incentivo a aprendizagem
    5786 palavras | 24 páginas
  • Multirrepetência nos anos iniciais
    3835 palavras | 16 páginas
  • O ensino da libras nas séries iniciais do ensino fundamental
    3383 palavras | 14 páginas
  • Filhos brilhantes, alunos fascinantes/ augusto cury.
    8879 palavras | 36 páginas