Rodrigo Melo Porto resolvido

5095 palavras 21 páginas
Universidade Federal do Espírito Santo

HIDRÁULICA BÁSICA – 4ª edição
EXERCÍCIOS RESOLVIDOS

Exercícios propostos do capítulo 2: 2.7, 2.10, 2.14, 2.16, 2.20, 2.21, 2.23, 2.34, 2.35, 2.36. (pg. 1)
Exercícios propostos do capítulo 3: 3.1, 3.7, 3.8, 3.10, 3.13. (pg. 7)
Exercícios propostos do capítulo 4: 4.1, 4.4, 4.7 e 4.9. (pg. 11)
Exercícios propostos do capítulo 5: 5.1, 5.2 5.4, 5.6, 5.8, 5.14. (pg. 16)
Exercícios propostos do capítulo 6: 6.1, 6.2, 6.6. (pg. 22)
Exercícios propostos do capítulo 8: 8.1, 8.2, 8.3, 84, 8.5, 8.6, 8.8, 8.10, 8.19, 8.20. (pg. 27)
Exercícios propostos do capítulo 9: 9.5, 9.6, 9.8. (pg. 33)
Exercícios propostos do capítulo 12: 12.7, 12.9, 12.13, 12.18. (pg. 35)

2.7 Água escoa em um tubo liso, ε
…exibir mais conteúdo…
3

Carga de pressão em CPA = 25 mH2O. Qual deve ser a vazão para que a carga de pressão em B seja CPB = 17 mH2O?

PA
PB

2 γ γ 2g
Pela tabela 2.3, β = 1,345⋅103
∆H 3
L 157,1

1 1
 J 1,85  1,85
3 

= 28,9 l/s

2.20 Em uma adutora de 150 mm de diâmetro, em aço soldado novo (ε = 0,10 mm), enterrada, está ocorrendo um vazamento. Um ensaio de campo para levantamento de vazão e pressão foi feito em dois pontos, A e B, distanciados em 500 m. No ponto A, a cota piezométrica é 657,58 m e a vazão, de 38,88 l/s, e no ponto B, 643, 43 m e 31,81 l/s. A que distância do ponto A deverá estar localizado o vazamento? Repita o cálculo usando a fórmula de Hazen-Williams.
D = 150 mm QA = 38,88 l/s QB = 31,81 l/s ε = 0,10 mm CPA = 657, 58 m
L = 500 m CPB = 643,43 m
Fórmula universal da perda de carga:

∆H = f
L V 2
D 2g
; J = fV 2
2Dg
; ∆H = L × J

• A – C:

A π ⋅ 0,0752 2Dg 2 ⋅ 0,15⋅ 9,8
• B – C:

André Barcellos Ferreira – andrepoetta@hotmail.com

Universidade Federal do Espírito Santo

A π ⋅ 0,0752 2Dg 2 ⋅ 0,15⋅ 9,8

Pela ideia de que a energia total se mantém constante, e como o escoamento é constante, pode-se
4

usar a equação
2
+ = + z
2g 2g pn do problema, tem-se:
2
657,58 + = 643,43 + + ∆H ⇔ 657,83 = 643,60 + ∆H ⇔ ∆H = 14,23 m

Sabe-se que a perda de carga total é devida à perda de carga nos pontos A e B. Assim:
∆H = ∆H A + ∆H B = J ALA + J B LB = 0,0314 ⋅

Relacionados

  • Exercícios resolvidos rodrigo melo porto
    14184 palavras | 57 páginas
  • Endometrite em Eguas
    11011 palavras | 45 páginas
  • HC 16 EDITAL DOESP
    17167 palavras | 69 páginas