Rufianismo

3184 palavras 13 páginas
RUFIANISMO

 Art. 230 – Tirar proveito da prostituição alheia, participando diretamente de seus lucros ou fazendo-se sustentar, no todo ou em parte, por quem a exerça:
Pena – reclusão, de 1 (um) ano 4 (quatro) anos, e multa.
§ 1º Se a vítima é menor de 18 (dezoito) e maior de 14 (quatorze) anos ou se o crime é cometido por ascendente, padrasto, madrasta, irmão, enteado, cônjuge, companheiro, tutor ou curador, preceptor ou empregador da vítima, ou quem assumiu, por lei ou outra forma, obrigação de cuidado, proteção ou vigilância:
Pena – reclusão, de 3 (três) a 6 (seis) anos, e multa.
§ 2º Se o crime é cometido mediante violência, grave ameaça, fraude ou outro meio que impeça ou dificulte a livre manifestação da vontade da vítima:
Pena – reclusão, de 2 (dois) a 8 (oito) anos, sem prejuízo da pena correspondente à violência. ( §§ 1º e 2º com redação dada pela Lei n. 12.015, de 7-8-2009.)

1. Conceito: Tirar proveito da prostituição alheia, participando diretamente de seus lucros ou fazendo-se sustentar, no todo ou em parte, por quem a exerça, sendo cominada a pena de reclusão, de 1 a 4 anos, e multa. Pune-se a atividade do rufião – aquele que tira proveito da prostituição, que se mantém a expensas da prostituição alheia. Não confundir com a atividade do proxeneta, que é intermediário entre quem exerce a prostituição e o cliente. Nem mesmo com o proxeneta mercenário (proxenetismo lucrativo) porque este, após receber a vantagem, se afasta da vítima.

2.

Relacionados

  • Análise das condutas típicas ocorridas no filme "Anjos do Sol"
    974 palavras | 4 páginas
  • Habeas corpus preventivo
    934 palavras | 4 páginas
  • Crime contra indignidade sexual
    1387 palavras | 6 páginas
  • ATPS Penal IV Individual Pronto
    1042 palavras | 5 páginas
  • Resumo sobre o livro crimes contra a dignidade sexual
    11274 palavras | 46 páginas
  • FCAT Rufianismo
    2160 palavras | 9 páginas
  • Trabalho de Penal - Arts. 230, 231 e 231-A CP
    3197 palavras | 13 páginas
  • resposta a acusação
    2284 palavras | 10 páginas