SOCIOLOGIA PENSADORES

1634 palavras 7 páginas
BRUNA FERNANDA,N.02

TEORIAS SOBRE
DIREITO, LIBERDADE E IGUALDADE

Trabalho apresentado à disciplina de Sociologia, do 3º “A” Informática sob a orientação da Profª Marlene

CASCAVEL
2013
HOBBES: Os seres humanos são naturalmente iguais e, por terem excessiva liberdade, lutam contra os outros na defesa dos interesses individuais, havendo necessidade de um acordo (contrato). Mas segundo Hobbes um papel assinado não garante a paz. Todos deveriam renunciar à liberdade e dar ao Estado o direito de agir em seu nome. COMENTÁRIO: Primeiramente que o ser humano não tem excessiva liberdade, e não devemos ceder a pouca que ainda temos para o estado, pois queremos ter ainda um controle sobre nossos atos. Na sociedade
…exibir mais conteúdo…
Marx investiga as diferentes relações estabelecidas pelos homens entre si e com a natureza ao longo da História. Este é o verdadeiro patamar de igualdade entre os homens na concepção marxista. Todos são igualmente seres sociais. Todos são igualmente limitados no alcance possível da sua atividade pelas condições sociais da época. A partir daqui. o patamar da igualdade desaparece entre os indivíduos. Tanto porque os indivíduos são diferentes entre si – têm aptidões e capacidades físicas e intelectuais desiguais – como porque as condições sociais enfrentadas pelos indivíduos diferem de época para época, geração para geração, região para região, classe para classe etc. Não existe ainda o Estado propriamente dito, mas essa liberdade humana é limitada pelo baixo grau de conhecimento do próprio homem. Este vive à mercê das forças da natureza. Está totalmente sujeito às suas intempéries. Na sua primitiva ignorância é dominado pela “ditadura da natureza”, por isso, na formulação de Engels, está preso ainda ao “reino da necessidade”. COMENTÁRIO: A teoria de Marx está em certo ponto muito certa, as desigualdades começam já na parte humana do homem, pelas diferenças como inteligência, força, foco entre outros e pela limitada vontade do homem de correr atrás dos seus direitos, ter ele tem muitos, mas quando ele entra no comodismo e aceita o que lhe é imposto também já gera uma desigualdade, pois certamente outro homem correrá atrás do seu direito e não ficará parado.

Relacionados