Salmo 23

3968 palavras 16 páginas
FACULDADE KURIOS
INTEGRALIZAÇÃO DE CRÉDITOS EM TEOLOGIA
Nome da Disciplina – Exegese e Hermenêutica do Hebraico
Profº Dr Gelci André Colli
05/08/14

nome do aluno
MOISÉS DIAS

TÍTULO:
EXEGESE SALMO 23

curitiba
2014

Roteiro para elaboração de Exegese de Hebraico
Método Histórico Gramatical

Introdução

Sendo uma das maiores coletâneas de hinos, orações e poemas, o livro de Salmos expressa as mais profundas paixões da humanidade. Nessas páginas, ouvimos os clamores desesperados do salmista em meio ao infortúnio, assim como o seu louvor extasiado ao seu provedor e consolador. Podemos ouvi-lo derramando a alma em confissão, mas também efervescendo de alegria. Os Salmos nos conduzem pelos vales e ápices da experiência humana, mas nos levam, ao final, a louvar nosso criador bem-amado. 1
Neste trabalho será feito uma exegese do Salmo 23, onde a experiência da Davi com Deus é descrita de maneira surpreendente.

1. Delimitação do texto de interesse

1.1. Indícios que marcam o início do texto

Nenhuma parte da Sagrada Escritura tem sido mais investigada e comentada do que os salmos. O grande interesse manifestado por esta parte da Bíblia tem como única razão de ser o auxílio que presta á devoção. 2
O Salmo 23 começa nos versículos 1,2 e 3, dizendo que Deus é o bom pastor, trazendo em seu escopo metáforas e comparações de Deus. Quem escreveu foi Davi. Nestes três versículos, Davi reconhece em Deus o Bom

Relacionados

  • Salmos
    4955 palavras | 20 páginas
  • Nr - 23
    2003 palavras | 8 páginas
  • Exegese Salmo 1
    1898 palavras | 8 páginas
  • Nr 23
    2557 palavras | 11 páginas
  • Atividades paginas 23
    1451 palavras | 6 páginas
  • NR 23
    864 palavras | 4 páginas
  • A finalidade dos salmos
    4413 palavras | 18 páginas
  • Exegese do Salmo 23
    2300 palavras | 10 páginas
  • salmo 23
    1190 palavras | 5 páginas
  • Exegese Do Salmo 23 Pastoreio E Hospitalidade Do Senhor
    8466 palavras | 34 páginas