Seguridade social no brasil: conquistas e limites à sua efetivação

2724 palavras 11 páginas
SEGURIDADE SOCIAL NO BRASIL: CONQUISTAS E LIMITES À SUA EFETIVAÇÃO

A Seguridade Social se estrutura tendo como referência a organização social do trabalho, apesar de constituir-se de forma bastante diferenciada em cada país, em decorrência de questões estruturais, como o grau de desenvolvimento do capitalismo e de questões conjunturais, como a organização da classe trabalhadora.

Os direitos da seguridade social,sejam aqueles baseados no modelo alemão bismarckiano, como aqueles influenciados pelo modelo beveridgiano inglês, têm como parâmetro os direitos do trabalho, visto que desde sua origem, esses assumem a função de garantir benefícios derivados do exercício do trabalho para os trabalhadores que perderam, momentânea ou permanentemente, sua capacidade laborativa. O acesso ao trabalho sempre foi condição para garantir o acesso à seguridade social. Por isso, muitos trabalhadores desempregados não têm acesso a muitos direitos da seguridade social, sobretudo a previdência, visto que essa se move pela lógica do contrato, ou do seguro social.

Em um contexto de agudas desigualdades sociais, pobreza estrutural e fortes relações informais de trabalho, esse modelo, que fica entre o seguro e a assistência, deixa sem acesso aos direitos da seguridade social uma parcela enorme da população. Visto que a seguridade social brasileira, instituída com a Constituição brasileira de 1988, incorporou princípios desses dois modelos, ao restringir a previdência aos trabalhadores

Relacionados

  • Seguridade social no brasil: conquistas e limites á sua efetivação
    1518 palavras | 7 páginas
  • Avanços e retrocessos da política de saúde no brasil: uma breve analise dos 20 anos do sus
    3867 palavras | 16 páginas
  • A politica da assistência social e a construção histórica da politica pública da seguridade social no brasil.
    2104 palavras | 9 páginas
  • Resenha critica, programa bolsa familia
    1207 palavras | 5 páginas
  • Fichamento do texto as dimensões ético políticas e teórico metodológicas no serviço social
    5615 palavras | 23 páginas
  • cases 3 cebrac
    6008 palavras | 25 páginas
  • As instâncias públicas de controle democrático e os desafios na atual conjuntura
    6269 palavras | 26 páginas
  • violencia domestica contra mulher
    11814 palavras | 48 páginas
  • IDOSOS E SERVIÇO SOCIAL
    12517 palavras | 51 páginas
  • Assistente social na saúde
    15268 palavras | 62 páginas