Sistema Prisional do Japão

1630 palavras 7 páginas
COLÉGIO ESTADUAL OLAVO BILAC ENSINO FUNDAMENTAL, MÉDIO, PROFISSIONAL E NORMAL

Ana cláudia wolcov nº03 fernanda amabile polo nº12 marina rodrigues nº22 taynara ellen batistela nº30

Professora: Sueli

1 INTRODUÇÃO

O sistema carcerário Japonês, está entre os três melhores do mundo, perdendo apenas para o chinês e filipino, disponibilizando ao detento, qualidade de vida e até mesmo trabalho.
Diferente das outras nações que procuram educar o detento ao modo certo de agir em sociedade, o Japão procura ao encarcerar alguém, o seu arrependimento, para que assim não volte a cometer o mesmo ou ate outros erros após a saída do presídio.
2 desenvolvimento
A filosofia que dirige o sistema carcerário japonês é diferente da que rege todos os outros presídios ocidentais, que tentam reeducar o preso para que ele se reintegre a Sociedade. O objetivo, no Japão, é levar o condenado ao arrependimento. Como errou, não é mais uma pessoa honrada e precisa pagar por isso.
Temos um contexto relacionado a dois homens com estilos de vida totalmente diferentes. Ambos relatando o modo de vida de um penitenciário no Japão.
Um rapaz brasileiro que já foi preso lá afirma que quem toma conta dos presídios é o Exército. “Tudo lá dentro é movido a regras”. Ele relata que, assim que foi pego juntamente com os outros companheiros, R.F. (inicias de seu nome, pois não queria se identificar)

Relacionados

  • A favor da pena de morte no brasil
    1039 palavras | 5 páginas
  • Projeto sobre Pena de Morte no Brasil
    1858 palavras | 8 páginas
  • Resenha sobre O principe e corrupção !
    3540 palavras | 15 páginas
  • Pena de morte parte escrita 1 word
    5361 palavras | 22 páginas
  • Da geopolítica clássica à geopolítica pós-moderna: entre a ruptura e a continuidade
    10149 palavras | 41 páginas
  • Análise de risco - metodo brasiliano
    14769 palavras | 60 páginas
  • Direito digital
    13026 palavras | 53 páginas
  • Criminologia
    15336 palavras | 62 páginas