Sistema Urinário - Histologia

3201 palavras 13 páginas
Referencias bibliográficas:
Luiz C. Junqueira, José Carneiro, Histologia Básica – 10º edição – 2004.

SISTEMA URINÁRIO

O aparelho urinário é formado pelos dois rins, dois ureteres, a bexiga e a uretra. A urina é produzida nos rins, passa pelos ureteres até a bexiga e é lançada ao exterior pela uretra. Esse aparelho contribui para a manutenção da homeostase, produzindo a urina, através da qual são eliminados diversos resíduos do metabolismo e água, eletrólitos e não-eletrólitos em excesso no meio interno. Essas funções se realizam por meio de um processo complexo que envolve filtração, absorção ativa, absorção passiva e secreção. Além da função reguladora da composição do meio interno, os rins secretam hormônios, como a renina, que
…exibir mais conteúdo…
Essas células são chamadas de podócitos e formadas pelo corpo celular, de onde partem diversos prolongamentos primários que dão origem aos prolongamentos secundários. Os podócitos localizam-se sobre uma membrana basal, porém a maior parte do corpo celular e dos prolongamentos primários não se apóia na membrana basal. O contato com a membrana basal é feito pelos prolongamentos secundários dos podócitos.
Entre os prolongamentos secundários dos podócitos existem espaços denominados fendas de filtração, fechados por uma membrana com cerca de 6nm de espessura.
Os capilares glomerulares são do tipo fenestrado, sem diafragmas nos poros das células endoteliais. Há uma membrana basal entre as células endoteliais e os podócitos que revestem a superfície externa dos capilares glomerulares. Admite-se que esta membrana basal (fusão das lâminas basais do endotélio e dos podócitos) seja a principal barreira na filtração glomerular. A membrana basal glomerular (100-300nm de espessura) é constituída de três camadas: a lâmina rara interna, que aparece clara nas micrografias eletrônicas, situada próximo às células endoteliais; a lâmina densa, mais elétron-densa; e a lâmina rara externa, também clara, localizada mais externamente ao lúmen do capilar e, portanto, em contato com os podócitos. As lâminas raras contêm fibronectina que estabelece ligações com as células. A lâmina densa é um feltro

Relacionados

  • reticulo pericardite traumatica
    4266 palavras | 18 páginas
  • Sistema urinario
    1868 palavras | 8 páginas
  • embriologia
    1475 palavras | 6 páginas
  • Plano De Aula Pr Tica Sa De 2015 1
    6779 palavras | 28 páginas
  • Anatomia Humana AS SEXTA
    1135 palavras | 5 páginas
  • Histologia do sistema urogenital
    3047 palavras | 13 páginas
  • Classificaçao dos sistemas circulatorio, digestivo e urinario
    2093 palavras | 9 páginas
  • anatomia
    813 palavras | 4 páginas
  • CADERNO DE EXERC CIOS DE HISTOLOGIA
    11927 palavras | 48 páginas
  • Resumo 1 capitulo de anatomia
    1494 palavras | 6 páginas