Sociedade civil e Gramsci: desafios téoricos e práticos

10544 palavras 43 páginas
ARTIGOS

Sociedade civil e Gramsci: desafios teóricos e práticos

Civil society and Gramsci: theoretical and practical challenges

Luiz Eduardo W. Wanderley*

Resumo: O texto busca analisar algumas interpretações teóricas e

práticas da realidade brasileira, em especial, a partir de algumas con‑ cepções de Gramsci: significado de Sociedade Civil, inter‑relações entre infraestrutura e superestrutura, papel dos intelectuais orgânicos, participação das classes e setores sociais organizados, controle das políticas públicas e dimensão cultural, utilizando conceitos extraídos de publicações gramscianas e de um conjunto de intérpretes, com a devida cautela da aplicação de seu legado e interlocução com outras correntes de
…exibir mais conteúdo…

Nas palavras de Simionatto (1995, p. 254‑255), precisamos ler Gramsci não apenas situando‑o em seu tempo, mas situando‑o hoje, na história que estamos vivendo e que ele não viveu: retomar seu discurso criador, não no vazio nebuloso de desejos e sonhos, mas a partir da concretude real e histórica.
O seu legado não nos ajuda apenas a pensar o passado, mas põe no presente a pers‑ pectiva da revolução, que é hoje a luta pela democracia e pelo socialismo.

É preciso retificar o que ficou anacrônico e abrir a interlocução com outras correntes de pensamento.
6

Serv. Soc. Soc., São Paulo, n. 109, p. 5-30, jan./mar. 2012

Desde logo, é necessário discernir com cuidado as colocações de ­ ramsci
G
e sua aplicação teórica e prática na realidade brasileira. Marco Aurélio Noguei‑ ra chama a atenção para estas diversas interpretações, que convém registrar:
Gramsci foi rapidamente difundido no Brasil, mas acabou por funcionar como “meio” para o estabelecimento de um descompromissado flerte com o marxismo e para em‑ prestar autoridade às ideias mais estranhas, regra geral arquitetadas a partir de uma operação preocupada em manipular as categorias gramscianas como se tratasse da peça de um puzzle cuja resolução pouco interessava. Seu pensamento terminou assim por ser reduzido a conceitos, desvinculado de qualquer dimensão doutrinária mais abrangente e, sobretudo, separado da perspectiva de transformação socialista e da particular teoria do Estado que fazem de

Relacionados

  • Iamamoto. capital fetiche - cap. 3
    4957 palavras | 20 páginas
  • A influência do comportamento organizacional
    7428 palavras | 30 páginas
  • O trabalho como ação para a vida e não apenas como necessidade de emprego e renda.
    16863 palavras | 68 páginas
  • o capitalismo monopolista
    7298 palavras | 30 páginas
  • A importância do legado de florestan fernandes
    5249 palavras | 21 páginas
  • Formulação, administração e execução de políticas públicas
    6719 palavras | 27 páginas
  • APOSTILA GRATUITA DE SERVIÇO SOCIAL
    14956 palavras | 60 páginas