TRABALHO FINAL AGRADE

2470 palavras 10 páginas
SEICHO-NO-IE

HISTÓRIA

Seicho-No-Iê (SNI) Sociedade religiosa fundada por Masaharu Taniguchi, em 1º de março de 1930 no Japão, com o lançamento da revista Seicho-No-Iê. No brasil, a SNI foi fundada em agosto de 1952. tendo como livro principal Semei no Jisso (Verdade da Vida), com mais de quarenta volumes.
Embora algumas práticas, como o culto diário aos antepassados que nos protegem permanentemente, não seja facilmente aceitas pela mente ocidental, a Seicho-No-Iê, em seu positivismo contagiante, bate uma corada de esperança em muitos corações sofridos. atra´ves de livros e revistas, e de seus famosos calendários com frases otimistas para cada dia do mês, tornou-se extremamente popular neste país, e hoje seu membros, em grande maioria, são de descêndencia não japonesa!
Umas das razões é sua aceitação de pessoas de outras religiões, absolutamente. Todas elas são boas. A Seicho-No-Iê é também uma doutrina de integração religiosa, isto é, de união das religiões, não só das cristãs, mas de todas ao redor do mundo... A função da seicho-No-Iê seria, então, a de iliminar as minsturas e extrair apenas o ''ouro'' comum a todas as outras religiões de todas as partes do mundo. Se a interpretação é correta ou erronêa, basta ver o fruto. Agora, vamos examinar os ensinamentos da Seicho-No-Iê.
A expressão “Seicho-No-Iê.” “Significa Lar do progredir infinito”. Essa definição está associada à vida pessoal do fundador, que começou na mais extrema pobreza, alcançando depois um bom

Relacionados

  • Logística de Canteiro de Obras e Gestão Ambiental na Construção Civil
    1362 palavras | 6 páginas
  • Polícia Comunitária
    926 palavras | 4 páginas
  • apostila de comporatmento humano nas organizações
    12024 palavras | 49 páginas
  • Resenha - os elementos do jornalismo
    1699 palavras | 7 páginas
  • Arroz
    1714 palavras | 7 páginas
  • Trabalho de pesquisa de derivados do leite
    2254 palavras | 9 páginas
  • Relatório de linguiça frescal
    2323 palavras | 10 páginas
  • Casa de pensão e o mulato
    2056 palavras | 9 páginas
  • Trabalho sobre esmaltes
    2300 palavras | 10 páginas