Tcc - arquitetura e urbanismo / entidade filantrópica de reabilitação para dependentes quimicos

6085 palavras 25 páginas
SUMÁRIO

1. INTRODUÇÃO 2. RESUMO / ABSTRACT 3. JUSTIFICATIVA 4. HISTÓRICO DO LOCAL 5. HISTÓRICO DO TEMA 6. LEITURA URBANA – MAPAS / DIAGNÓSTICO 7. ESTUDOS DE CASO 8. VISITAS TÉCNICAS 9. DIRETRIZES URBANAS E DE PROJETO 10. CONCEITUAÇÃO DA PROPOSTA 11.2 FORMA 11.3 LOCAL 11.4 PARTIDO ESTRUTURAL 11. PROGRAMA DE NECESSIDADES 12. FLUXOGRAMA ORGANOGRAMA 13. CROQUIS E TEXTO EXPLICADO DO PROCESSO DE CONCEPÇÃO DA PROPOSTA 14. PROPOSTA ARQUITETÔNICA / URBANISTICA – ESTUDOS PRELIMINARES 15. BIBLIOGRAFIA

1. INTRODUÇÃO
Culturalmente cercada de mitos e preconceitos a drogadição é um fator que infelizmente vem crescendo cada vez mais. Sendo hoje reconhecida pela OMS
…exibir mais conteúdo…
A partir de 1558, o território do atual município de Ribeirão Pires foi incorporado a São Paulo de Piratininga, formando uma vasta área territorial.
Nos limites da Vila de Mogi, em 1663, havia uma estrada chamada estrada de Guaió, que era passagem daqueles que pretendiam sair de São Paulo rumo a Mogi das Cruzes ou vice-versa, bem como daqueles que se dirigiam a Santos. Com a invasão das terras da Aldeia do Ururaí, depois São Miguel, muitas pessoas espalharam-se por este território alcançando a região de Ribeirão Pires nos fins do século XV. Ribeirão Pires, que se chamava Caaguaçu (mata grande ou mata virgem), mantinha uma integração com os moradores de São Miguel. No decorrer dos anos, esses caminhos foram aperfeiçoados por bandeirantes, garimpeiros e milícias.
No século XVII, as terras nas proximidades da Serra do Mourão passaram a ser cobiçadas. Um novo processo de povoamento passou a acontecer, baseado na exploração das minas de ouro. Caaguaçu, que estava no caminho para essas minas, passou a ser conhecida, pois até então era quase inexplorada.
Houve a formação de um núcleo de povoamento na região decorrente da exploração do ouro, mas que não durou muito tempo.
A partir do dia 25 de março de 1714, com a construção da Igreja Nossa Senhora do Pilar, o povoamento de Ribeirão Pires ganhou novo impulso. Famílias que chegavam passaram a construir casas, igrejas e a dinamizar o comércio, até antão incipiente.

Relacionados

  • Trabalho de conclusão de curso - Arquitetura e Urbanismo
    10854 palavras | 44 páginas
  • Escola de arte guignard - arquitetura e urbanismo
    1966 palavras | 8 páginas
  • O processo de reabilitação de dependentes químicos e alcóolatras em diversos contextos
    1445 palavras | 6 páginas
  • Tipos de Pisos - Arquitetura e Urbanismo
    3162 palavras | 13 páginas
  • Metodologia de projeto em arquitetura e urbanismo
    1215 palavras | 5 páginas
  • Tcc ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM AO DEPENDENTE QUÍMICO
    2359 palavras | 10 páginas
  • Análise de projetos de arquitetura e urbanismo
    1504 palavras | 6 páginas