Teoria Fixista vs Teoria Evolucionista

1156 palavras 5 páginas
Introdução:

Explicar a origem e a diversidade das espécies sempre foi considerado o “mistério dos mistérios”. Trata-se de um assunto complexo com grandes limitações experimentais. A essa complexidade, juntou-se no século XIX, uma acesa controvérsia que nunca foi verdadeiramente sanada. É pois natural que muitas interrogações se levantem acerca da origem e da diversidade das espécies: “Qual a origem da multiplicidade de espécies que povoam a Terra?” , “De que modo, ao longo do tempo geológico, as formas de vida se foram alterando?”. As explicações para a origem das espécies foram surgindo ao longo dos séculos, fortemente influenciados por princípios religiosos, filosóficos e culturais. Irei por isso contrapor duas teorias, a teoria criacionista e a teoria evolucionista.

Teorias Fixistas:

Quando se observam as diferentes espécies surge a impressão de que elas se mantiveram imutáveis ao longo dos séculos. Considerar que as espécies surgiram tal como hoje se conhecem e se mantiveram imutáveis ao longo dos anos e um principio fixista que foi aceite durante muitos séculos. As explicações foram surgindo de uma forma mais ou menos fantasista, sem qualquer apoio experimental. De acordo com Aristóteles, os organismos surgiam por geração espontânea. Admitir isto, foi uma explicação que perdurou por vários séculos. Surgiu também o criacionismo, que é outra explicação fixista para a origem das espécies.
O criacionismo afirma a ideia da mais pura causalidade pois Deus a

Relacionados

  • Teoria Comportamental
    1314 palavras | 6 páginas
  • teoria neoclassica
    1619 palavras | 7 páginas
  • Teoria Tectônica das Placas
    3020 palavras | 13 páginas
  • Argumentos Biogeográficos a favor da Teoria Evolucionista de C. Darwin
    2306 palavras | 10 páginas
  • Teorias da evolução humana
    1396 palavras | 6 páginas
  • Teorias demograficas
    1621 palavras | 7 páginas
  • Teoria interacionista
    397 palavras | 2 páginas
  • Teoria patrimonialista
    1261 palavras | 6 páginas
  • Teoria Neoclassica
    2223 palavras | 9 páginas