Teoria Tectônica das Placas

3020 palavras 13 páginas
Teoria das Tectônicas de Placas
A crença de que os continentes não estiveram sempre nas suas posições atuais foi postulada pela primeira vez em 1596 por um fabricante holandês, chamado Abraham Ortelius. Ele sugeriuque as Américas "foram rasgadas e afastadas da Europa e África por terremotos e inundações”. Esta ideia foi retomada posteriormente por outros cientistas, como Cuvier, Lord Kelvin e Beumont, numa linha de pensamento conhecida como "contracionismo", que admitia uma possível movimentação lateral das massas continentais como conseqüência de uma contração da Terra.
Pelegrini, em 1859, retomou as observações de Ortelius, sendo o primeiro cientista a defender a fragmentação e deriva dos continentes vizinhos do Atlântico, baseando-se, também, em observações de que determinados tipos de fósseis eram encontrados nos dois continentes.
Em 1888 Eduard Suess apresentou uma teoria global propondo que os continentes atuais teriam origem em um enorme paleocontinente que teria se fragmentado e afastado uns dos outros. Esta teoria baseava-se no pressuposto que o esfriamento gradual e contínuo da Terra poderia ter originado movimentos regulares da crosta, os quais em determinados momentos da história geológica assumiriam um caráter mais violento em conseqüência da ocorrência de fenômenos catastróficos.
O início do declínio da perspectiva contracionista coincidiu com um período de controvérsia entre a geologia e a biologia. Os “biólogos”, fortemente influenciados pelo advento da

Relacionados

  • Questões resolvidas de geografia
    2418 palavras | 10 páginas
  • DERIVA CONTINENTAL E TECTÔNICA DE PLACAS
    1846 palavras | 8 páginas
  • Sociologia
    1290 palavras | 6 páginas
  • Capitulo 2- para entender a terra
    4367 palavras | 18 páginas
  • Geologia
    2415 palavras | 10 páginas
  • A tectonica de placas e a formação de montanhas
    877 palavras | 4 páginas
  • Deriva Continental
    1528 palavras | 7 páginas
  • Placas tectônicas
    988 palavras | 4 páginas
  • Estrutura geológica
    974 palavras | 4 páginas
  • Placas tectônicas
    1833 palavras | 8 páginas