Trabalho de Teoria da Arquitetura e Urbanismo

4067 palavras 17 páginas
ÍNDICE
Introdução 2
Biografia 3
Conceitos 4
Partido 6
Obras
Casa Riehl 7
Pavilhão de Barcelona 9
Casa Tugendhat 12
Casa Farnsworth 15
Estudo de caso
Crown Hall 18
Bibliografia 21

INTRODUÇÃO
O trabalho tem por objetivo a compreensão dos métodos racionais da arquitetura moderna, usando como exemplo o arquiteto Mies Van Der Rohe, identificando o seu método próprio.
Para tanto baseamos a análise nos pressupostos que diferem a construção de uma arquitetura moderna, que é o de racionalização de projeto, opção funcionalista atrelada ao desenho, a estrutura como base projetual, a estética dos materiais e a “essencialidade” no projeto.
Mies Van Der Rohe representa uma biografia bastante interessante do ponto de vista de metodologia, uma vez que não se iniciou na arquitetura moderna, mas a desenvolveu com os anos; aperfeiçoando―a de tal modo que fez uma linguagem própria de construir, com um atento exame de cada parte e de seus limites, onde cristalizasse um todo indissociável e permanente, sendo em sua forma como uma espécie de testemunha de um tratado de arquitetura.

BIOGRAFIA
Nasce em 27 de março de 1886, em Aachem, Alemanha, com o nome de Maria Ludwig Michael Mies Rohe, que mais tarde seria mundialmente famoso como Mies Van Der Rohe, um dos mais importantes arquitetos do séc. XX.
Mudou se para Berlim em

Relacionados

  • Luis Barragan
    2647 palavras | 11 páginas
  • Resumo do livro francois ascher - os novos princípios do urbanismo
    2050 palavras | 9 páginas
  • A regra e o modelo choay
    1361 palavras | 6 páginas
  • Resumo - Código de Ética e Disciplina do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil / Lei No12.378, de 31 de dezembro de 2010
    1922 palavras | 8 páginas
  • Estágio de ciências contabeis
    2483 palavras | 10 páginas
  • Edifício JK
    1994 palavras | 8 páginas
  • Design de interiores
    1338 palavras | 6 páginas
  • Arquitetura neoclássica
    3338 palavras | 14 páginas
  • Urbanismo no século XIX; Higienismo, As utopias Urbanísticas e Modernismo no século XX
    1355 palavras | 6 páginas