Tracos romanticos na obra romantica de jose de alencar

2290 palavras 10 páginas
Traços Realistas na Obra Romântica de José de Alencar

Autor: Sandra Santos

RESUMO

A presente pesquisa partiu do interesse em se estudar o fenômeno de emancipação feminina que se reflete na literatura, a partir do século XIX através de José de Alencar. Verifica-se, pois que na história da literatura há uma antecipação do estilo literário denominado realismo, quando José de Alencar nos apresenta uma dualidade comportamental e psicológica na personagem Aurélia Camargo, da obra romântica Senhora de 1875, a qual possui características que além de adiantarem o realismo brasileiro, também demonstram um avanço no comportamento das mulheres daquela época, contribuindo assim para um estudo mais sistematizado sobre o processo de emancipação
…exibir mais conteúdo…
É nesse cenário literário que aparece, em 1875, um dos maiores sucessos de público do período: Senhora, de José de Alencar, que inspirado, segundo Alceu Amoroso Lima (1987), nos vários aspectos da vida brasileira, escrevia ele numa linguagem elegante, fácil, harmoniosa, cuja sonoridade nova constituiu um elemento decisivo de diferenciação de nossas letras e isso lhe valeu polêmicas com gramáticos e escritores portugueses. Trata-se de um romance em que o tom varia marcadamente, como afirma Schwarz (1992). Ao mesmo tempo em que temos personagens sem profundidade psicológica e que permanecem com o mesmo caráter do inicio ao fim do romance, temos Aurélia Camargo, personagem feminina, na qual se nota o sentimento de pureza atrelado ao sentimento de raiva, de vingança. Alterna-se nessa personagem momentos de doçura e maquiavelismo, de inteligência racionalista e sentimentalismo passional. Influenciado pelo novo estilo literário então estabelecido na Europa, José de Alencar tenta incorporar na obra Senhora aspectos realistas evidentes nas ações da personagem Aurélia Camargo, heroína que vive um conflito psicológico, balançando-se entre a ironia, o escárnio e o ideal de realização amorosa. Para acentuar o contraste da protagonista em relação ao seu meio social, é importante familiarizar-se com o contexto burguês no âmbito familiar. Alencar descreve com precisão a importância dada ao casamento, que era utilizado como instrumento de ascensão social e

Relacionados

  • Romantismo portugal/brasil
    1400 palavras | 6 páginas
  • Os indios nos livros iracema e ubirajara de jose de alencar.
    7594 palavras | 31 páginas
  • A Terceira Geração de Poetas Românticos
    1845 palavras | 8 páginas
  • Prosa romantica
    2253 palavras | 10 páginas
  • O romantismo em verso e prosa(no brasil)
    4698 palavras | 19 páginas
  • Analise da obra Til
    4262 palavras | 18 páginas
  • Contexto do romantismo urbano
    1444 palavras | 6 páginas
  • Memórias de um sargento de milícias: nem romantico nem realista
    4056 palavras | 17 páginas
  • O guarani
    3329 palavras | 14 páginas
  • A segunda geração do romantismo brasileiro
    872 palavras | 4 páginas