Tribos xavantes

1997 palavras 8 páginas
]

Etnias Indígenas Brasileiras
Xavantes

Belém
2011

INTRODUÇÃO As primeiras notícias que se tem dos Xavantes, foram no século XVIII, no norte de Goiás. No século XIX transferiram-se para o Mato Grosso, estabelecendo-se na região da Serra do Roncador. Contatos mais amistosos só foram possíveis em 1946 e só em 1953 consentiram em contatar com os brancos.

Possuem um alto nível de complexidade sócio-cultural, grande mobilidade no espaço e tecnologia muito simples.Tem a aldeia-base como ponto de referência, com grandes migrações tanto na estação seca quanto na das chuvas. A coleta é uma atividade feminina, já a caça, é uma atividade masculina. A pesca
…exibir mais conteúdo…
A sua estrutura de sustentação, amarração assemelha-se a das de modelo tradicional, porém o esteio central permanece para sustentar a cobertura efetuada em quantidade de águas igual ao numero de lados e também já se faz uso de frechais apoiados sobre os esteios laterais, na confluência destes, espigões de quantidade equivalente a de mãos-francesas encaixadas e pregadas no esteio central que ajudam a sustentar os espigões. As paredes recebem uma estrutura de vedação independente daquela efetuada na cobertura.

Toda a construção é efetuada pelos homens, e as mulheres apenas socam o barro para elevar o piso interno acima do nível da aldeia. Os acessos possuem, atualmente, esquadrias com portas fixadas pordobradiças de metal e trincos. Algumas já utilizam trancas de madeira e cadeados. Ocorre também a presença de janelas fixadas à maneira das portas, e coexistem com as pequenas aberturas efetuadas na palha, encontradas nas casas.

ASPECTOS GERAIS DO ARRANJO TERRITORIAL

O território Xavante localiza-se no Planalto Central brasileiro, entre o rio das Mortes e os que formam o rio Xingu, situando-se no leste do Estado de Mato Grosso. Hoje esse território define-se legalmente ocupando sete terras indígenas descontinuas – Areões, Marãiwatsede, Marechal Rondon, Parabubure, Pimentel Barbosa, Sangradouro-Volta Grande e São Marcos. As terras Areões I, Areões II, Chão Preto e Ubawawe são

Relacionados

  • Goiás colonial
    2620 palavras | 11 páginas
  • Resenha Vale dos Esquecidos
    1444 palavras | 6 páginas
  • Arte e arquitetura indigena no brasil
    1414 palavras | 6 páginas
  • Lutas indígenas
    1128 palavras | 5 páginas
  • Os brutos conquistaram o brasil
    4149 palavras | 17 páginas
  • HIST RIA INDIOS DA FARINHA PODRE
    4108 palavras | 17 páginas
  • Apostila Geografia do Tocantins
    16199 palavras | 65 páginas
  • ARQUITETURA INDIGENA BRASILEIRA
    3482 palavras | 14 páginas
  • Situação de negros e indios no brasil
    892 palavras | 4 páginas