Vida e obra de platão

1615 palavras 7 páginas
1. INTRODUÇÃO

A palavra filosofia é de origem grega e significa amor à sabedoria. Ela surge desde o momento em que o homem começou a refletir sobre o funcionamento da vida e do universo, buscando uma solução para as grandes questões da existência humana. Os pensadores, inseridos num contexto histórico de sua época, buscaram diversos temas para reflexão. A Grécia Antiga é conhecida como o berço dos pensadores, sendo que os sophos (sábios em grego) buscaram formular, no século VI a.C., explicações racionais para tudo aquilo que era explicado, até então, através da mitologia. No período Clássico (séculos V e IV a.C.), na Grécia Antiga foram de grande desenvolvimento cultural e científico. O esplendor de cidades como Atenas, e
…exibir mais conteúdo…
3.1.2 Politica Platão traçou o projeto político para que se tenha a Cidade – Estado ideal que se baseava nas seguintes características: o governador teria que ser alguém que teve uma formação rigorosamente filosófica e acreditava que existiam três tipos de virtudes baseadas na alma que corresponderiam aos estatamentos da polis: - O governante, a cabeça do Estado, deveria ser a sabedoria, pois utiliza a razão e possui caráter de ouro; - Os soldados e guardiões, o peito do Estado, deveria ser a coragem, pois são cheios de vontade e a alma é de prata; - Os trabalhadores, o baixo- ventre do Estado, pois orienta-se pelo desejo das coisas sensíveis e tem a alma de bronze.

3.1.3 Mundo real e mundo das idéias A verdade essencial das coisas era o que Platão buscava, assim como seu mestre Sócrates, pois buscando a verdadeira essência das coisas, na verdade plena, ele buscaria a base da verdade que é única e imutável e que seria igual para todos. Mas, ele acreditava, assim como Sócrates que a verdade estava em algo superior, não apenas no físico, e sim o conhecimento está no interior do homem, sendo uma busca racional e contemplativa e ainda, uma busca não pelo ser particular, mas a verdadeira essência do ser. Para Platão, existe o mundo real (mundo sensível) e o das Idéias, porém só é possível participar do mundo perfeito das Idéias, tendo experiências no mundo sensível. No mundo material, o homem poderia ter a

Relacionados

  • Vida e obra de erikson
    1410 palavras | 6 páginas
  • tales de mileto vida e obra
    1220 palavras | 5 páginas
  • Vida e obra de fourier
    2063 palavras | 9 páginas
  • Vida e obra de arthur schopenhauer
    1470 palavras | 6 páginas
  • Vida e obra de luandino vieira
    2792 palavras | 12 páginas
  • A vida e obra de aleijadinho
    3515 palavras | 15 páginas
  • vida e obra de Mendes de carvalho
    2581 palavras | 11 páginas
  • vida e obra de edouard claparede
    1219 palavras | 5 páginas
  • vida e obra de antonio jacinto
    1325 palavras | 6 páginas