a religião como narrativa de origem

1208 palavras 5 páginas
A Religião com narrativa da origem
A religião transmuta apenas o espaço. Também qualifica o tempo, dando-lhe a marca do sagrado. O tempo sagrado é uma narrativa. A narrativa sagrada é a historia sagrada, que os gregos chamavam de mito. Este não é uma fabulação ilusória, uma fantasia sem consciência, mas a maneira pela qual uma sociedade narra para si mesma seu começo e o de toda a realidade, inclusive o começo ou nascimento dos próprios deuses. Embora a narrativa sagrada seja uma explicação para a ordem natural e humana, ela não se dirige ao intelecto dos crentes, mas se endereça ao coração deles. Por que se dirige ás paixões do crente, a religião lhe pede uma só coisa: FÉ, ou seja, a confiança, adesão plena ao que lhe é manifestado
…exibir mais conteúdo…
Nesse tipo de religião, a obra de salvação é realizada por um enviado de Deus – messias, em hebraico; cristo, em grego. As religiões da salvação são messiânicas e coletivas. Um povo – povo de Deus – será salvo pela lei e pelo enviado divino.
Imanência e transcendência
Quando estudamos o sagrado, vimos que, em inúmeras culturas, os seres e objetos sacros habitam o nosso mundo, são imanentes a ele. As primeiras

Relacionados

  • Rubem Alves
    1772 palavras | 8 páginas
  • Capa e folha de rosto para elaboração do trabalho científico
    1503 palavras | 6 páginas
  • Resenha marilena chaui
    2762 palavras | 12 páginas
  • Tipos de consciência
    4564 palavras | 19 páginas
  • apostilas sexto ano ensino religioso (ciencias da religiao)
    6883 palavras | 28 páginas
  • Resenha do livro Claros e Escuros
    5194 palavras | 21 páginas
  • Análise do conto a igreja do diabo
    3545 palavras | 15 páginas
  • Filosofia ética e moral
    1250 palavras | 5 páginas
  • Exercicios
    4359 palavras | 18 páginas
  • Judaísmo
    2292 palavras | 10 páginas