comportamento anti-social: agressão

3594 palavras 15 páginas
COMPORTAMENTO
ANTI-SOCIAL:
A AGRESSÃO

A violência é contemporânea do homem. (T.Padilha)

COMPORTAMENTO ANTI-SOCIAL E AGRESSÃO.
 Sempre que desejamos avaliar o impacto e a penetração de fenômeno na vida social, costumamos recorrer a estática, número percentuais, gráficos, índices, tabelas e, com base neles, extraímos conclusão, projeções e, eventualmente, umas interpretações geris plausíveis, antes que se possa supor trata-se de erro de perspectiva ou de insuficiência de dados fidedignos, convém atribuir á complexidade do fenômeno em si mesmo a enorme dificuldade e em estudá-lo, compreendê-lo ou explicá-lo. Esses são o caso partícula do fenômeno agressão humana.


Poderíamos iniciar nossa abordagem da agressão de forma
…exibir mais conteúdo…
E assim, ao que tudo indica, deu-se o caso por encerrado.



Os psicólogos sociais costumam distinguir diferentes tipos ou forma de agressão humana em função dos motivos ou intenções que, presume-se, estão subjacentes a tais comportamentos. AS RAIZES DA VIOLÊNCIA: EXPLICAÇÕES TEÓRICAS PARA
AGRESSÃO HUMANA.


A sociedade civilizada está perpetuamente ameaçada de desintegração pela hostilidade primitiva que os homens demonstram com relação uns aos outros.
( S.Freud)



De modo geral, as teorias adotadas pela psicologia Social para estudo da agressão diferenciam-se no grau com que consideram a agressão como algo inato ou aprendido, na extensão com que leva em conta a influência de fatores pessoais ou situacionais como instigadores de atos agressivos e, ainda, quanto aos meios e técnicas que sugerem para o controle ou prevenção.

EXPLICAÇÕES BIOLÓGICAS DA AGRESSÃO


Filósofos e Cientistas assumem posições distintas na discussão da agressão com fenômeno inato e instintivo ou comportamento aprendido. Thomas Hobbes já defendia o ponto de vista de que os seres humanos, em seu estado natural, são brutos e violentos, já Jean-Jacques Rousseau tinha o conceito do BOM SELVAGEM, sugerindo que os seres humanos são naturalmente benignos, felizes e bondosos e que é a sociedade

Relacionados

  • Agressão
    1664 palavras | 7 páginas
  • A deliquencia juvenil em angola
    1750 palavras | 7 páginas
  • Violência na escola: o bullying e as suas implicações psíquicas
    2627 palavras | 11 páginas
  • O que leva uma pessoa a cometer crimes e agressões
    2130 palavras | 9 páginas
  • O desenvolvimento socioafetivo da criança na educação infantil
    6489 palavras | 26 páginas
  • Subcultura da violência grupos radicais
    5634 palavras | 23 páginas
  • Recursos avaliativos no transtorno de conduta infantil
    7428 palavras | 30 páginas
  • Bullying nas aulas educação física na escola
    3204 palavras | 13 páginas
  • Violência psicológica contra crianças nas interações familiares
    1644 palavras | 7 páginas
  • Transtornos da personalidade
    11186 palavras | 45 páginas