profuncionário 13

2168 palavras 9 páginas
Colégio Estadual Professor Júlio Szymanski.
Curso Técnico Profissionalizante – Profuncionário.
Técnico em Nível Médio em Alimentação Escolar.

MÓDULO XIII

ARAUCÁRIA
2012
Edi Maria Gonçalves Xavier

Produção e Industrialização de Alimentos

Memorial e Relatório das atividades presenciais e à distância apresentado como requisito ao curso Técnico em Nível Médio de Alimentação Escolar, ofertado pela Secretaria de Estado da Educação, Departamento de Educação e Trabalho – Profuncionário.
Tutora Pedagoga: Carin Franscieli Hartmann
Tutora Específica: Denize P. S. Cano

ARAUCÁRIA
2013

ÍNDICE

Introdução
Memorial (resumo) das aulas do Módulo XIII
Atividades Realizadas
…exibir mais conteúdo…
Mas hoje, o tipo físico é uma mistura de raças, por causa da descendência.
Minha descendência por parte de mãe é italiano e por parte de pai é índio.
Sou mediana, branca, cabelos e olhos castanhos.

Data: 08/12/12
Na sua opinião, qual a evolução que ocorreu no brasil desde a escravidão até os tempos de hoje, na alimentação e na igualdade social?
Durante a escravidão, os escravos sofriam muito, eram castigados por motivos vãs, eram humilhados e muitos morriam de tanto apanhar.
Sua alimentação era resto de animais as partes que os patrões não comiam: exemplo: pés, rabo, cabeça, etc, também comiam angu, comidas a base de milho. Mas, depois da libertação da escravatura, essa alimentação continuou mas com algumas modificações, os restos de animais cozidos com feijão, hoje chamamos de feijoada, com temperos e iguarias, o alimento com milho, hoje chamamos de canjica, e assim por diante. Desde aquela época até a transformação, ou seja, na minha opinião, hoje em dia, o alimento está pior, apesar das informações as pessoas ainda consomem alimentos de uso abusivo, causando várias doenças, algo preocupante para os governantes e demais pessoas em comum.
Em questão social, os escravos eram diminuídos ao máximo, ou seja, o que naquela época eram discriminados, hoje em dia não mudou muito, apesar das leis que defendem os negros, cotas, coisas e tal, as pessoas ainda os humilha, ainda existe discriminação, mesmo sabendo que o negro é tão capaz e tão

Relacionados

  • Profuncionario
    1362 palavras | 6 páginas
  • Profuncionario
    1409 palavras | 6 páginas
  • profuncionario
    883 palavras | 4 páginas
  • Pedologia 13
    6943 palavras | 28 páginas
  • Trabalho profuncionario secretaria escolar - módulo 2
    6209 palavras | 25 páginas
  • Aula 13
    919 palavras | 4 páginas
  • Memorial modulo 11 profuncionario
    2142 palavras | 9 páginas
  • Memorial módulo 1 profuncionario
    1340 palavras | 6 páginas
  • Modulo 1 profuncionario
    6571 palavras | 27 páginas