psicossociologia

1798 palavras 8 páginas
Psicossociologia das Organizações

T e m a 5 .2
Che fia , Ge st ã o e Lide ra nç a
Às dificuldades sentidas no campo teórico, quanto à distinção entre liderança, poder e autoridade, acresce ainda a confusão gerada em torno dos termos “liderança”, “gestão”, “chefia”, “administração” “direcção” e outros que no momento não me lembro.
De todos estes conceitos, talvez os mais importantes a relevar sejam os binómios “Chefia – Liderança” e “Gestão – Liderança”.

5.2.1. Chefia e Liderança
Quanto ao primeiro dos binómios, já referimos no tema 4.8 do capítulo anterior - A Liderança, que o termo “chefia” ocorre em organizações instituídas por papéis sociais hierarquizados, onde alguns são nomeados para assumirem o poder de dirigir determinada actividade da organização e, por arrasto, de gerir as pessoas afectas a essa mesma actividade. Daqui que a chefia não passa dum verdadeiro poder nominal.
Deste modo, enquanto a chefia é munida duma autoridade legitimada burocraticamente pela nomeação, a autoridade do líder é legitimada pela aceitação dos seguidores, independentemente de ter ou não sido nomeado como chefe.
O leitor, certamente já reparou que esta diferença encorpa em si mesma, um processo de escolha consciente ou não. É que no caso da chefia não há escolha possível. À partida, ninguém escolhe os seus subordinados, nem estes podem escolher o chefe com quem desejam colaborar. A nomeação é cega neste domínio.
Já quando falamos em liderança, o caso é

Relacionados

  • DUMAZEDIER, Joffre. Lazer e cultura popular. São Paulo: Perspectiva, 1973
    3370 palavras | 14 páginas
  • Estágio Psicologia Social
    942 palavras | 4 páginas
  • A GESTÃO E OS CONFLITOS ESCOLARES
    3304 palavras | 14 páginas
  • O enigma sistêmico das relações públicas como expressão da fragilidade de sua doutrina
    6093 palavras | 25 páginas
  • Exercício resolvido de psicossociologia do trabalho
    1313 palavras | 6 páginas
  • mapeamento de público
    1380 palavras | 6 páginas
  • Resenha critica do livro repensando a organização
    1716 palavras | 7 páginas
  • O CONCEITO DE IMPLICAÇÃO EM PRÁTICAS DA ANÁLISE INSTITUCIONAL CONTEMPORÂNEA
    5529 palavras | 23 páginas