resenha O Psicodiagnóstico Interventivo sob o enfoque da Narrativa

925 palavras 4 páginas
FICHAMENTO IV – O Psicodiagnóstico Interventivo sob o enfoque da Narrativa

Bilbao, G. G. L., O Psicodiagnóstico Interventivo sob o Enfoque da Narrativa in Ancona-Lopez, S., Psicodiagnóstico Interventivo: Evolução de Uma Prática. Cap. III. P. 65-76

Nesse capitulo a autora nos mostra uma visão de psicodiagnóstico a partir do discurso. O discurso pode ser entendido como: um raciocínio, um processo de explicação, uma discussão que revela um conteúdo, entre outras definições. Levando a visão de psicodiagnóstico interventivo, o discurso é entendido não como um levantamento de idéias prontas ou raciocínios de algo que já está dado (p. 65), mas como uma fala que trás consigo toda uma historia (ora evidenciando o passado, ora o presente), trazendo consigo emoções e sentimentos que às vezes podem até surpreender a pessoa pela forma que isso de mostra: De forma nebulosa, de maneira não cogitada e, às vezes, difíceis de admitir.
Uma forma de discurso é a narrativa, onde a pessoa narra, de forma livre e despreocupada com a verdade, sua experiência vivida; sendo que cabe a pessoa que ouve interpretar essa narração. Hoje em dia esse tipo de discurso está em desuso, uma vez que a informação acaba se tornando mais usual pela necessidade das pessoas de verificar tudo o que se ouve, dessa maneira, a informação deve ser plausível e passível de verificação. Essa maneira de discurso é um retrato da nossa sociedade pobre de comunicação e do empobrecimento da experiência humana, onde

Relacionados

  • Das narrativas orais à produção do conhecimento crítico.
    1437 palavras | 6 páginas
  • Negociação sob o enfoque sistemico
    1428 palavras | 6 páginas
  • Liberdade ou desespero a escolha sob o olhar da gestalt-terapia
    4635 palavras | 19 páginas
  • O INSPETOR ESCOLAR SOB A ÓTICA DA LEGISLAÇÃO
    1228 palavras | 5 páginas
  • Elementos da narrativa: O médico e o monstro
    846 palavras | 4 páginas
  • O enfoque sócio-histórico-cultural da aprendizagem
    1250 palavras | 5 páginas
  • Psicodiagnóstico Interventivo
    2628 palavras | 11 páginas
  • DIFERENÇAS ENTRE RECEITA E DESPESA SOB O ENFOQUE PATRIMONIAL E SOB O ENFOQUE ORÇAMENTÁRIO
    2386 palavras | 10 páginas
  • O ENFOQUE DA DIALÉTICA MATERIALISTA HISTÓRICA NA PESQUISA EDUCACIONAL.
    966 palavras | 4 páginas