resumo maca peruana

2151 palavras 9 páginas
Maca Peruana (Lepidium meyenii): o "Ginseng dos Andes"
Planta milenar trata impotência e queda de libido

Quanto mais a ciência avança, mais se descobre que a natureza oferece aos seres humanos tudo o que é necessário para garantir sua alimentação, saúde e bem-estar. Plantas que há poucos anos eram simplesmente ignoradas passam a ser reconhecidas por suas propriedades surpreendentes - que já eram de conhecimento de povos muito antigos. É o caso da maca peruana - atualmente famosa por ser um tônico poderoso capaz de melhorar o desempenho generalizado do organismo.

A planta é de fato surpreendente: desenvolve-se entre 4 e 5 mil metros de altitude, nos Andes Centrais do Peru, com temperaturas que oscilam entre 20 graus positivos e 25
…exibir mais conteúdo…
Foram realizados estudos sobre a ação da maca sobre a fertilidade em animais (Dra. Chacón, 1961) e em seres humanos (Gonzalez, 2001). No ano de 1980, cientistas da Alemanha e dos EUA ao efetuarem estudos com ervas no Peru, reavivaram seu interesse pela Maca, chamando-na de "o cultivo perdido dos incas".

A planta apresenta em sua composição, entre outros elementos, boa quantidade de cálcio, aminoácidos, proteínas vegetais, vitaminas e minerais como ferro, zinco e fósforo.

A raiz tem coloração que varia desde o amarelo claro até o marrom escuro, medindo entre 4 e 7 cm de diâmetro, e é a parte principal na elaboração dos produtos. O sabor e a composição química não se alteram em função da coloração da raiz. Apresenta talo curto e as folhas são compostas, medindo de 6 a 9 cm. Já as flores são agrupadas e hermafroditas.
Usos da maca peruana

* Na menopausa: A maca alivia os sintomas comuns da menopausa sem os efeitos de outros tratamentos químico-hormonais existentes no mercado. A maca pode ser usada como um tratamento vegetal de resultados comprovados no combate aos sintomas da menopausa, logo que estes começam a aparecer - são muito comuns os calores (fogachos), fadiga, suores noturnos, mudanças de estado de ânimo, diminuição da libido; além de problemas como osteoporose e alterações cardiovasculares. Geralmente, para combater estes problemas são adotados tratamentos com reposição hormonal que,

Relacionados