seguridade social

4721 palavras 19 páginas
Seguridade Social- historia

Com o advento da revolução industrial, iniciada no século XVIII, tendo se expandido pelo mundo a partir do século XIX, desencadeou-se uma intensa otimização da produção, devido à implementação de máquinas, as quais atuavam em escala significantemente superior ao trabalho humano, substituindo-se, desta forma, a manufatura pela chamada maquinofatura. Formaram-se, com isso, a classe que não mais produzia a partir de sua própria obtenção de matéria-prima, desempenhando todo o processo produtivo, mas, sim, trabalhavam para os donos das máquinas, os quais conquistavam todo o lucro.
Isto foi cada vez mais acentuado em virtude do papel irrefutável da indústria na necessidade de se atender às exigências de um país em expansão.
Contudo, ainda precisava-se que homens operassem estas máquinas, ou seja, era fator irremediável que a mão-de-obra atuasse em conjunto para que as máquinas pudessem operar. Destarte, em virtude das inúmeras ocorrências de acidentes de trabalho, bem como do desenvolvimento da sociedade, percebeu-se não poder um ser humano pôr sua vida e incolumidade em risco, sem que se pudesse resguardar-se de quaisquer infortúnios eminentes. Nesse contexto, a classe operária deu fruto ao Direito Previdenciário.
O período de formação desse novo ramo do Direito, que visa à cobertura dos “riscos sociais, tomada a expressão no seu sentido comum de acontecimento incertus an e incertus quando que acarrete uma situação de

Relacionados

  • Seguridade social
    4097 palavras | 17 páginas
  • Politica e seguridade social
    1544 palavras | 7 páginas
  • Custeio da seguridade social
    1710 palavras | 7 páginas
  • POLITICA DE SEGURIDADE SOCIAL
    3670 palavras | 15 páginas
  • Resumo de seguridade social
    2649 palavras | 11 páginas
  • Tripé da seguridade social
    1588 palavras | 7 páginas
  • principios da seguridade social e RGPS
    2839 palavras | 12 páginas
  • O papel da seguridade social no enfrentamento da desigualdade social
    1157 palavras | 5 páginas
  • Seguridade social no brasil: conquistas e limites á sua efetivação
    1518 palavras | 7 páginas
  • Seguridade social no brasil: conquistas e limites à sua efetivação
    2724 palavras | 11 páginas