tabela de algumas parasitoses

6127 palavras 25 páginas
PROJETO DE
PESQUISA

PANCREATITE
INTRODUÇÃO
O pâncreas adulto é um órgão retro peritoneal orientado transversalmente que se estende da alça do duodeno ao hilo do baço. Parte endócrina sendo constituído por dois tipos principais de tecido: os ácinos e as ilhotas de Langerhans os ácinos secretam sucos digestivos no duodeno e as ilhotas de Langerhans secretam hormônios no corpo. Sendo as ilhotas são constituídas por três células sendo elas beta secretoras de insulina, alfa secretoras de glucagon e as células delta secretoras de somatostatina. A insulina reduz concentração de glicose sanguínea facilitando o seu movimento para tecidos. O glucagon mantém a glicose
…exibir mais conteúdo…

A apresentação mais comum consiste no inicio súbito de dor abdominal epigástrica frequentemente acompanhada por náuseas e vômitos, sendo a dor geralmente aliviada com a flexão do tronco na posição sentada. Os doentes encontram-se normalmente agitados, ao exame físico os achados são variados podendo incluir febre, taquicardia, hipotensão, distensão abdominal, stress respiratório, defesa (5) e manchas equimóticas no flanco (sinal de Grey-Turner) ou na região periumbilical (sinal de Cullen) que refletem hemorragia intra-abdominal, sendo muito específicos e estão associados a uma mortalidade de 37%. No entanto, estes sinais estão raramente presentes (3) (8). Juntamente com os sintomas característicos, o diagnóstico de PA é muitas vezes baseado em níveis séricos elevados das enzimas pancreáticas, com valores pelo menos três vezes acima do normal.
Amilase e lípase são os marcadores serológicos mais frequentemente utilizado, apesar da elevação dos níveis destas enzimas não ser patognomônico da doença.
Apesar de não haver um gold-standard para o diagnóstico de PA, utilizando a lípase sérica (>250 IU/L) em conjunto com a amilase (>160 IU/L) a sensibilidade do diagnóstico é de 94%.
Na maioria dos casos, a infecção, incluindo bacteremia, fungemia e abscesso pancreático continua a ser a principal causa de morte, representando até 80% dos casos fatais (6).
Assim, o presente trabalho, tem como

Relacionados

  • NEMATELMINTOS
    5796 palavras | 24 páginas
  • Trabalho
    1326 palavras | 6 páginas
  • Pediculus humanus capitis: Diagnóstico e Tratamento
    10497 palavras | 42 páginas
  • Controle de parasitas de bovino de corte
    9530 palavras | 39 páginas
  • Hidatidose ou equinococose
    4962 palavras | 20 páginas
  • Ajudinha rápida?
    2206 palavras | 9 páginas
  • reino animal
    14067 palavras | 57 páginas
  • Biologia
    2056 palavras | 9 páginas
  • microbiologia para técnicos em enfermagem
    8756 palavras | 35 páginas