Análise da propaganda eleitoral no brasil

7814 palavras 32 páginas
PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO GRANDE DO SUL
FACULDADE DE COMUNICAÇÃO SOCIAL

Propaganda Eleitoral: retomada histórica, regulamentação e realidade atual.

Caroline Evangelista
Luísa de Oliveira
Mariana Ferreira
Martina Clausell¹

Resumo
Com origem na Igreja Católica, a propaganda tinha como intuito propagar ideais da Igreja para converter os povos. Com isso, no período em que havia disputas políticas entre as nações e guerras, a propaganda foi averiguada para ser aplicada em duas formas, sendo uma, a propaganda eleitoral. No Brasil, a propaganda eleitoral passou por diversas transformações, sendo elas: leis, códigos, medidas e os meios de comunicação. Contudo, algumas leis seguem, até hoje, tendo o mesmo vigor. A maneira com que as leis são empregadas e atuam sob a propaganda eleitoral é compreendida a partir do papel de igualdade entre todos os pré-candidatos, cumprido pela Justiça Eleitoral. Atualmente, a propaganda é a utilização de marketing com mais eficiência em prol da conquista de votos. Sendo assim, a considerada mais eficaz é a que atinge o maior número de cidadãos. Com isso, a partir do conhecimento em marketing, é possível identificar fatores que contribuem com o cidadão na hora de sua escolha e a relação do mesmo com o processo eleitoral.
Palavras-chave: Propaganda, propaganda eleitoral, leis, marketing.

Porto Alegre
2012
¹ Estudantes de Comunicação Social da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul 1. Introdução
Por

Relacionados

  • Analise propaganda de cerveja
    5350 palavras | 22 páginas
  • Exemplo de propaganda eleitoral
    1237 palavras | 5 páginas
  • Sistema eleitoral do brasil resumo
    1829 palavras | 8 páginas
  • Analise semantica da musica brasil cazuza
    2383 palavras | 10 páginas
  • História da propaganda no brasil
    2215 palavras | 9 páginas
  • Rádio no Brasil: Origem e evolução da propaganda no meio
    2382 palavras | 10 páginas
  • TCC O SISTEMA ELEITORAL MISTO NO BRASIL
    2863 palavras | 12 páginas