Classificação dos legumes

9248 palavras 37 páginas
Seviço Nacional de Aprendizagem Comercial
Marianna Santos Oliveira

Pesquisa sobre legumes e métodos de cocção

Salvador
2014
1. Legumes:
Nome genérico dado aos vegetais – complemento indispensável de qualquer regime alimentar, parte integrante de dietas vegetarianas -, prestam-se aos mais variados modos de preparo e cocção, podendo servir de acompanhamento ou guarnição, como prato principal, saladas, sopas, conservas ou doces, além de fornecerem subprodutos. A qualidade dos legumes é reconhecido pela cor intensa, firmeza de folhas e frutos, condições das raízes e dos talo sem impurezas em excesso.
Os legumes fornecem vitaminas, minerais e fibras, pode-se destacar a vitamina A, C e as do complexo B, e os minerais cálcio, ferro, potássio e magnésio. Já as fibras você encontra as solúveis e as insolúveis.
Os legumes são semiperecíveis e existem vários tipos dele:
1.1 Legumes de raiz e tubérculos:
São aqueles que crescem debaixo ou à flor da terra. O que difere um legume de raiz para um de tubérculos é a quantidade de amido encontrado em cada um.
1.1.1 Exemplos de legumes de raiz:
Bardana: trazida por japoneses, pode ser servida em saladas, picles, sopas, com legumes e em sushis.
Beterraba: raiz carnosa, encontrada em variedades comestíveis. Pode ser consumida crua em saladas, cozida, assada em sopas, cremes, sucos, doces em calda e em pasta, em conserva e chutneys. A variedade branca produz um tipo de açúcar.
Cenoura: de cor

Relacionados