ENGISH, Karl. Introdução ao pensamento jurídico

4756 palavras 20 páginas
ENGISH, Karl. Introdução ao pensamento jurídico. 8ª ed. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian, 2001. p. 205-274.

1 INTRODUÇÃO

“Descobrir o Direito do caso concreto”. Karl Engish volta a sua preocupação para a tendência cultivada por longo período acerca da vinculação dos aplicadores do Direito à lei, como meras vozes daquilo que o legislador tenha almejado dispor.
Neste capítulo V, da obra Introdução ao Pensamento Jurídico, Engish vem discutir a natureza criativa do processo interpretativo, bem como demonstrar que, em muitas situações, a interpretação e a subsunção não conseguem garantir alcançar determinados casos, para os quais se faz necessário recorrer a outras ferramentas como o processo de valoração através de critérios objetivos, como a Lei Moral e as concepções adotadas pela coletividade, e, sim, critérios subjetivos, como as concepções pessoas dos aplicadores, as quais não podem ser apartadas do processo decisório. Ainda assim, ao final do texto, Engish demonstra que decisões de cunho mais subjetivo não estão abandonadas às arbitrariedades.
Apesar de permanecer, ainda, intocado o Princípio da Legalidade no âmbito do exercício da atividade jurisdicional, as leis passam a ter novo processo de elaboração que provocam os juízes e os funcionários da administração pública à valoração autônoma, decidindo e agindo, por vezes, de modo semelhante ao do próprio legislador, haja vista que a simples subsunção a conceitos jurídicos fixos não mais garante a aclamada

Relacionados

  • Wolkmer, Antonio C - Introdução Ao Pensamento Juridico Critico
    2342 palavras | 10 páginas
  • Historicismo marxista: críticas ao idealismo baseadas no pensamento de karl marx
    1993 palavras | 8 páginas
  • Fichamento "Introdução ao pensamento jurídico" de Karl Engish
    9434 palavras | 38 páginas
  • Questionário do capítulo de Fato jurídico do livro Introdução ao Direito
    746 palavras | 4 páginas
  • RESENHA DA OBRA INTRODUÇÃO AO PENSAMENTO EPISTEMOLÓGICO DE JAPIASSU
    1434 palavras | 6 páginas
  • O PENSAMENTO SOCIOLÓGICO DE KARL MARX
    5906 palavras | 24 páginas
  • resenha ENGISCH, Karl. Introdução ao Pensamento Jurídico.
    695 palavras | 3 páginas