Estudo Dirigido Caso Lais Souza

749 palavras 3 páginas
6- Por que Laís não movimenta braços e penas, mas tem sensibilidade nos braços e ombro preservada?
De uma forma extremamente simplificada, podemos dizer que a função principal da medula é transmitir os comandos do encéfalo para o corpo e também as informações sensoriais do corpo para o cérebro. Quando ocorre uma lesão na medula esta comunicação é interrompida, resultando em perda da sensibilidade e/ou da força muscular, mas esta, apenas abaixo do nível da lesão. Laís Souza sofreu uma lesão na terceira vértebra da coluna cervical, afetando a função sensitiva da região abaixo do pescoço, não compreendendo parte dos braços e ombros.

7- Quais serão os possíveis danos motores desta atleta?
A esquiadora teve uma lesão medular definitiva, com chances grandes de ter sido uma lesão completa da medula. E além de se quebrar, a vértebra também teve um deslocamento e comprimiu as outras abaixo, sendo este um dos principais problemas. O choque na coluna, acima do pescoço e quase na cabeça, causa problemas imediatos e um deles é relativo à função motora, impossibilitando a movimentação do pescoço para baixo.

8- Por quê o suporte na parte psicológica será muito importante?
Distúrbios do humor, particularmente depressão, são frequentes em pacientes com lesão medular, estes que acabam por influenciar diretamente na recuperação do mesmo. A integração precoce em programas de reabilitação e socialização, diminuem a prevalência de depressão e ansiedade. No caso de Laís, é visível sua

Relacionados

  • Estudo dirigido
    559 palavras | 3 páginas
  • estudo dirigido
    319 palavras | 2 páginas
  • estudo dirigido
    1091 palavras | 5 páginas
  • estudo dirigido
    2061 palavras | 9 páginas
  • Estudo dirigido
    1820 palavras | 8 páginas
  • Estudo de caso da souza cruz
    1954 palavras | 8 páginas
  • estudos dirigidos
    1847 palavras | 8 páginas
  • estudo dirigido
    962 palavras | 4 páginas