Fatores de Risco para o parto prematuro

2217 palavras 9 páginas
1 PROBLEMATIZAÇÃO

Embora a Obstetrícia tenha tido muitos avanços, a prematuridade ainda configura-se como um dos maiores problemas de saúde pública, em virtude da morbidade e mortalidade neonatal. “A prevenção da prematuridade constitui desafio não só por estarem envolvidos fatores socioeconômicos e educacionais, mas também em virtude de várias causas que ou não são passíveis de prevenção, ou são de origem desconhecida.” (BITTAR; FONSECA; ZUGAIB, 2010, p.410).
Almeida et al. (2013, p.301) destacam que o período de gestação a termo é de 37 a 42 semanas contadas a partir da última menstruação. Se o bebê nasce antes da 37° semana de gestação é considerado prematuro ou pré-termo. A prematuridade é dividida da seguinte forma: extrema (nascimentos antes da 28° semana), acentuada (nascimentos entre 28 e 31 semanas) e moderada (nascimentos entre 32 e 36 semanas).
Assim, pergunta-se: Que fatores de riscos concorrem para o parto prematuro? Essa é uma indagação difícil de ser respondida. Pois, não se conhece, ainda, todas as causas que levam a prematuridade, mas muitas pesquisas vêm sendo realizadas nessa área. “Apenas 30% dos casos de nascimentos prematuros têm explicação científica.” (RABELLO; BARROS, 2011, P.483).
Raramente as mulheres estão preparadas para um bebê prematuro. Normalmente, apenas na gestação de gêmeos é que se cogita uma gravidez mais curta. A maioria das mulheres ao deparar-se com um parto em um momento inesperado fica surpreendida e afetada pelo fim

Relacionados

  • Acidente vascular encefálico: conceituação e fatores de risco
    8530 palavras | 35 páginas
  • Comportamentos preventivos, fatores de proteção comportamentais e comportamento de risco
    4185 palavras | 17 páginas
  • FATORES ECONOMICOS QUE AFETAM O MERCADO DE CAPITAIS E AS EMPRESAS
    2039 palavras | 9 páginas
  • Fatores de risco associados à prática de atividades físicas
    1922 palavras | 8 páginas
  • Escalas para avaliação do risco para úlcera de pressão
    2453 palavras | 10 páginas
  • O papel do gerenciamento de risco
    12217 palavras | 49 páginas
  • O doping e os riscos para a saúde/qualidade de vida
    3430 palavras | 14 páginas
  • Normas De Obstetricia E Ginecologia Para O Exerc Cio Durante A Gravidez 1
    5191 palavras | 21 páginas
  • Riscos para o profissional em radiologia
    2017 palavras | 9 páginas
  • Estudo clínico de parto
    3779 palavras | 16 páginas