Resenha Critica de Paro

8095 palavras 33 páginas
efdeportes.com O caráter político e administrativo das práticas cotidianas na escola pública: apontamentos iniciais a partir do livro
‘Administração Escolar: Introdução Crítica’ de Paro (2006)
El carácter político y administrativo de las prácticas cotidianas en la escuela pública: apuntes iniciales a partir del libro “Administración Escolar: Introducción Crítica” de Paro (2006)

*Acadêmico do curso de Licenciatura em Educação Física da Universidade Estadual de Maringá (UEM/PR) e bolsista do Programa de Educação Tutorial do curso de Educação Física da UEM (PET/DEF/UEM)
**Acadêmica do curso de Licenciatura em Educação Física da Universidade Estadual de Maringá (UEM/PR) e bolsista do Programa
de
…exibir mais conteúdo…

1. As práticas políticas e administrativas no contexto da escola pública brasileira: considerações iniciais

Segundo Paro (2006), a dimensão política tem precedência sobre a administrativa no âmbito escolar, pelo fato de as relações sociais estabelecidas neste espaço possuírem íntima relação com os determinantes sociais mais amplos:

Esta conclusão emerge, em primeiro lugar, da constatação de que a educação, enquanto apropriação do saber, constitui já objeto da prática política na medida em que potencializa os grupos sociais que a ela têm acesso para se colocarem em posição menos desvantajosa diante dos grupos que lhe são antagônicos. Dessa forma, o estabelecimento de objetivos (políticos) antecede, e certamente condicionará, o processo de atingí-los (atividade administrativa). [...] então, a prática política precisa anteceder a atividade administrativa, alimentando a luta pela conquista das condições objetivas que possibilitarão a realização do processo administrativo (PARO, 2006, p. 78-79).

Entretanto, apesar desta precedência da dimensão política, não desconsidera a importância da atividade administrativa na escola. Pelo contrário, Paro (2006, p.79) entende que esta atividade é de suma importância para o alcance do

Relacionados