Resumo : pobreza, desigualdade, exclusão e cidadania.

5514 palavras 23 páginas
POBREZA, DESIGUALDADE, EXCLUSÃO E CIDADANIA: CORRELAÇÕES, INTERSEÇÕES E OPOSIÇÕES.

Como em muitas outras nações de renda média – consideradas “em desenvolvimento” –, o foco das análises tem se deslocado da pobreza, entendida em seu sentido estrito, para o problema da desigualdade. Qualquer definição que venhamos a adotar aqui, será sempre provisória e incompleta.

POBREZA E DESIGUALDADE
Qual a principal distinção entre estes dois termos?

A primeira e mais importante diferença é que, enquanto a pobreza é uma condição que afeta os indivíduos, a desigualdade refere-se ao conjunto população em sua totalidade.
A pobreza é uma condição de indivíduos ou grupos os quais se encontram privados de meios adequados de subsistência.
Já a desigualdade é uma propriedade da distribuição da riqueza, em uma dada população ou sociedade.

Pobreza

Uma das formas mais tradicionais de se caracterizar a pobreza tem sido defini-la como “insuficiência de renda”. Para medir sua incidência sobre as populações, são utilizados indicadores tais como o PIB (Produto Interno Bruto) per capita de um país e/ou um percentual da renda média/mediana de seus habitantes. Muitas pessoas pobres não se utilizam de renda financeira para adquirir bens, mas através dele, podemos estabelecer um critério de “pobreza absoluta”, demarcando quem são os pobres e os indigentes em uma dada população.
Muitos estudiosos e técnicos envolvidos com o tema têm preferido utilizar o conceito de “pobreza relativa”, que leva em conta,

Relacionados

  • O estado e os problemas contemporaneos
    2528 palavras | 11 páginas
  • Desigualdade, pobreza e exclusão social
    6621 palavras | 27 páginas
  • Que papel deve/deveria ter o estado frente aos desafios migratórios em nível global?
    6389 palavras | 26 páginas
  • A moral na sociedade urbana e rural
    11761 palavras | 48 páginas
  • Assistencialismo e assistência social
    1824 palavras | 8 páginas
  • A educação escolarizada no brasil
    1902 palavras | 8 páginas
  • Educação pelo avesso
    10887 palavras | 44 páginas
  • Questão social e reforma agraria: politica social redistributiva
    3202 palavras | 13 páginas