CORPO, SAÚDE E BELEZA – FATORES DE RISCO À SAÚDE E DOENÇAS HIPOCINÉTICAS

3232 palavras 13 páginas
SUMÁRIO
1. INTRODUÇÃO
2. ETNIAS
3. ARTESANATO
4. LINGUAGEM
5. LITERATURA
6. DANÇA
7. FOLGUEDO FOLCLÓRICO
8. CULINÁRIA

1. INTRODUÇÃO
Minas Gerais é um Estado brasileiro que compõe a federação, está localizado na Região Sudeste, possui como capital a cidade de Belo Horizonte, com uma população de 2.375.151 habitantes.

O estado de Minas Gerais conta com uma área de 586.520,368 km2, na qual estão distribuídos 853 municípios. Conforme contagem populacional realizada em 2010 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o estado totaliza 19.597.330 habitantes; todos os que nasceram nesse território são chamados de mineiros.

2. ETNIAS
Um estudo genético realizado com pessoas de Belo Horizonte revelou que a
…exibir mais conteúdo…
Este dialeto está também presente nas cidades de Patos de Minas, Araxá, Curvelo, Governador Valadares, Ipatinga entre outras, sendo uma exceção as cidades do Triângulo Mineiro e do Sul de Minas Gerais, que falam formalmente o dialeto caipira. Montanhês.
O dialeto mineiro apresenta as seguintes particularidades fonéticas:
Ritmo fortemente acentual (as sílabas tônicas são mais longas que as átonas)
Apócope das vogais curtas: parte é pronunciada part' (com o "T" levemente sibilado).
Assimilação de vogais consecutivas: o urubu passa a ser u rubu.
Permutação de "E" em "I" e de "O" em "U" quando são vogais curtas: Domingo passa a ser Dumingo.
Aférese do "e" em palavras iniciadas por "es": esporte torna-se sportchi.
Somente o artigo é flexionado no plural, à semelhança do caipira: os livros é dito us livru. meus filhos se pronuncia meus filhu.
Contração frequente de locuções: abra as asas passa a ser abrazázas.
Alguns ditongos passam a ser vogais longas: fio converte-se em fíi.
Algumas sílabas são fundidas em outras. -lho passa a ser i (exemplo: filho = fíi), -inho converte-se em -inh (exemplo: pinho = pinh).
"R" é pronunciado como uma consoante aspirada: rato.
Sonorização do "S" final antes de vogal.

5. LITERATURA
A literatura mineira se desenvolveu ainda no séc. XVIII, quando Vila Rica, atual Ouro Preto, tornou-se centro econômico e político da então Colônia

Relacionados