Noção de linguagem na comunicação

3618 palavras 15 páginas
A linguagem não exerce somente o papel referencial denotativo de sua essência que é o de informar, esta é uma entre tantas outras funções. Entre elas esta o progresso humano, que é altamente acelerado através da linguagem. Através da comunicação lingüística toda experiência e conhecimentos humanos são transmitidos de pessoa para pessoa e é através e pela linguagem que os indivíduos entram em contato com o mundo e as outras pessoas. Pois somente a linguagem é compreendida como produção e interação verbal permitindo ao homem obter conhecimento.
A linguagem é um processo inevitável pelo qual o individuo constrói seu senso humano e de humanidade num processo que não dispensa antagonismos e que, por isso mesmo, não é dado de forma acabada e
…exibir mais conteúdo…

Muitas vezes, a publicidade ao utilizar o discurso associado à imagem, atua tanto consolidando estereótipos quanto tornando-os familiares, ou pelo menos apreensíveis, “consumíveis”, idéias, produtos e serviços pouco convencionais.
No primeiro caso, incluem-se propagandas como as de margarina e sabão em pó e, no segundo, algumas tão polemizadas como as da Duloren e Benetton. Em ambas, essas propagandas expressam pois um uso platônico do discurso, ao transmitirem idéias sugestivas ao público-alvo, como os slogans ou palavras de ordem, aliados a imagens.
A partir daí, impõem-se maneiras de falar, agir e pensar, que podem ainda expandir-se para outros públicos não pressupostos. Mas isso é feito através de meios não representacionalista, como a retórica no texto – uso de figuras de linguagem, por exemplo – e na imagem – uso de cores quentes, como o vermelho e o amarelo, para produtos alimentícios; e de cores frias, como o azul e o branco, para produtos farmacêuticos, por exemplo –, em vista da persuasão, do convencimento. Sem recorrer a argumentos ou a fatores puramente racionais, os publicitários sugerem por fatores de apelo emocional, como os mencionados anteriormente, uma “realidade” então preparada por eles.
O semiólogo Umberto Eco, diz que o mapa retórico da publicidade, composto por mensagens textuais e visuais codificadas, só faz repetir o que o público espera e conhece. Enquanto a ideologia

Relacionados

  • Conceitos de Língua , Línguagem e Fala
    1009 palavras | 5 páginas
  • Planejamento escolar - maternal 1
    4546 palavras | 19 páginas
  • A lógica da criação literária, Kate Hamburger
    14408 palavras | 58 páginas
  • Dificuldades de aprendizagem e psicomotricidade
    5100 palavras | 21 páginas
  • Enunciados Declarativos
    2146 palavras | 9 páginas
  • Jurgen habermas
    3262 palavras | 14 páginas
  • Apostila do enem
    8656 palavras | 35 páginas
  • generos textuais
    1838 palavras | 8 páginas
  • resumo de filosofia epistemologia e etica
    5495 palavras | 22 páginas
  • As filosofias educacionais para surdos
    1672 palavras | 7 páginas