rubem...

1961 palavras 8 páginas
RESUMO DO LIVRO: CIENCA E SAPIENCIA DE RUBEM ALVES

Rubem Alves em seu livro a ciência e a Sapiência nos começa apresentando seu amor pela educação, de uma forma maravilhosa.É importante ressaltar que ele cita que com o tempo as coisas que acontecem serve de experiência para nós. Ele fala também que para ele existem dois tipos de ideias, que são as científicas e as sobre filosofia, mas para o autor a ciência é universal e cita obras de outros artistas que ele se inspira para fazer as suas obras. Neste livro ele divide em quatro partes: I - Cartas aos que mandam na educação. II - sobre livros e leitura III - Aos que moram nos templos da ciência. IV – sobre computadores e Deus
Na primeira parte: Cartas aos que mandam na educação,
…exibir mais conteúdo…
O cientista busca respostas fazendo experiências com a realidade.Ele demostra também em seu texto que o conhecimento é algo amplo que está sempre em transformação.
“ o que é cientifico? “ (II) Rubem Alves nos mostra o seu ponto de vista sobre o científico fazendo uma analogia entre o estômago e a mente. Quando ele começa a fazer a analogia parece ser qualquer estômago, porém no decorrer durante texto o estômago mais viável para tanto é o da vaca. A comparação do estômago com a mente transcorre por todo o texto, já que o estômago processa uma variedade de substâncias para finalmente tirar o melhor, o necessário. A mente também é cheia por uma infinidade e diferentes informações, podendo este selecionar o que é propício e enriquecedor ao conhecimento. O texto mostra diferentes tipos de estômagos e logo diferentes tipos de mentes, com capacidades em diferentes áreas individualmente ou simultaneamente. Pode se concluir com o estudo da analogia de Rubem Alves que não se pode ter uma única visão ou um único saber. A ciência tem a sua visão, mas não poderá ou classificará como única possuidora do saber.
“ o que é cientifico? “ (III) O texto faz uma breve apresentação sobre a filosofia.. Filosofia não é passar ideias já existentes, é conseguir formular as suas próprias. A filosofia tem seus ideais amplos, por isso encontra-se onde houver conhecimento, onde tiver espaço para ser explorado o saber. Filosofar é estar atento a tudo a que acontece no seu meio extrínseco e

Relacionados

  • Rubem Alves
    1772 palavras | 8 páginas
  • Crônicas de Rubem Braga
    14863 palavras | 60 páginas
  • Ciência coisa boa rubem alves
    1649 palavras | 7 páginas
  • Resenha do livro agosto, de rubem fonseca
    1866 palavras | 8 páginas
  • Paulo freire, dermeval saviani e rubem alves
    1254 palavras | 6 páginas
  • PROJETO INTEGRADOR PARTE 2 RUBEM ALVES
    4040 palavras | 17 páginas
  • Resenha rubem alves livro filosofia da ciência
    3216 palavras | 13 páginas
  • O que é religião - rubem alves
    1520 palavras | 7 páginas
  • Resenha - o que é científico de rubem alves
    846 palavras | 4 páginas