A roda de conversas como possibilidade para desenvolver o pensamento crítico em crianças na educação infantil

11815 palavras 48 páginas
RESUMO

O trabalho a seguir reflete sobre a prática de roda de conversas na educação infantil e suas contribuições para desenvolver o pensamento crítico e autonomia das crianças. A Roda de conversas, como espaço democrático, permite o desenvolvimento das linguagens, uma comum-união entre as crianças e o educador, uma reflexão sobre os acontecimentos e a construção de habilidades que permitirão ações cada vez mais independentes dos adultos. A Roda de Conversas na Educação Infantil favorece o espaço de partilha e confronto de idéias, onde a liberdade da linguagem proporciona o crescimento na compreensão dos próprios conflitos individuais e coletivos. Por meio da troca em um ambiente que lhe proporciona segurança, confiança e respeito às
…exibir mais conteúdo…
A criatividade e a autonomia desenvolvem-se em diversos fatores e não exclusivamente nas atividades em roda, mas nesse trabalho focaremos esse tópico, pois ele amplia o conhecimento da criança, favorece as relações e o desenvolvimento das múltiplas linguagens, possibilita a autocrítica e o desenvolvimento individual e coletivo.
O objetivo desse trabalho foi refletir sobre a prática de roda de conversas na educação infantil e suas contribuições para desenvolver o pensamento crítico e autonomia das crianças.
Os objetivos específicos desse estudo foram: - Destacar a funcionalidade das rodas de conversas na rotina escolar.
-Explorar por meio de pesquisa bibliográfica estratégias para a mediação nos diálogos que surgem nos momentos de roda.
- Destacar o papel do educador como facilitador para que a criança seja protagonista do processo de aprendizagem.
- Auxiliar a ação do professor na sala de aula, tornando as aulas mais inovadoras, práticas e criativas.
A interação que estudamos nesse trabalho é o diálogo, que significa mais que falar; uma maneira especial de ouvir uns aos outros – ouvir sem resistências. A escuta aumenta e são criados significados compartilhados.
A metodologia utilizada foi de caráter qualitativo, de forma a exprimir fatos, ações e valores que passam a existir nas relações humanas, permitindo assim a compreensão de acontecimentos a partir de um contexto.
O instrumento de abordagem utilizado foi a Pesquisa

Relacionados

  • projeto corpo e movimento reeditado
    4437 palavras | 18 páginas
  • Planejamento anual maternal
    3221 palavras | 13 páginas
  • Projeto: preservação e valorização do meio ambiente
    1841 palavras | 8 páginas
  • A influência das concepções de froebel nas atuais propostas pedagógicas
    3454 palavras | 14 páginas
  • Tcc pós graduação de pedagogia
    9194 palavras | 37 páginas
  • Jogos e brincadeiras na educação infantil de 0 a 6 anos
    6159 palavras | 25 páginas
  • RELATÓRIO DO ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO II – EDUCAÇÃO INFANTIL
    6719 palavras | 27 páginas
  • projeto de intervenção
    3551 palavras | 15 páginas
  • Relatório de estágio em docência em educação infantil
    7107 palavras | 29 páginas